CIDADANIA, HETEROGENEIDADE E DIVERSIDADE


Leia com atenção o trecho seguinte:

Quanto maior a distância da mancha urbana, mais apta estará a área para a implantação de um aterro, pois a população estará distante dos odores, assim como dos insetos e demais vetores de doenças encontrados no local. Segundo Rafael e Witold, a distância dos aterros sanitários do perímetro urbanos visa afastar os impactos ambientais gerados pelos resíduos sólidos na natureza. (GREGÓRIO, Bernarda de Souza ; AZEVEDO, Geide Moreira de; SOUZA, Jacqueline Lopes de ; SANTOS, Pablo Santana. Avaliação de áreas para instalação de aterro sanitário no município de Barreiras, Bahia. Anais XVI Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, Foz do Iguaçu, PR, Brasil, 13 a 18 de abril de 2013, INPE)

No que tange à questão do Lixo Urbano, marque V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas.

(  ) Os aterros sanitários e, sobretudo, os lixões estão, rigorosamente, situados fora do perímetro urbano. É comum que o morador das grandes cidades abandone seu lixo em terrenos baldios.

(  ) Os aterros sanitários, frequentemente, não atendem às exigências ambientais e acabam se tornando nocivos para a natureza.

(  ) O processo de decomposição dos resíduos do lixo produz um líquido fétido que evapora e não polui o solo e as águas.

Assim sendo, está correta a alternativa:


F; V; F


 V; V; V


V; V; F


V; F; V


F; F; F

Leia o depoimento seguinte com atenção:

“... a educação - a disseminação dos conceitos de consumo responsável, reutilização dos produtos e destinação adequada dos resíduos, entre eles, os plásticos – é o canal mais eficaz para que toda a sociedade compreenda seu papel em prol da sustentabilidade. É por meio da educação e do empenho de todos – poder público, indústria (de produtos e serviços) e população – que vamos conseguir aproveitar melhor os recursos, gerar economia e garantir a preservação ambiental.” (presidente da Plastivida, Miguel Bahiense)

Para se produzir papel em escala industrial, consome-se quantidades absurdas de água. Depois, produz-se resíduos que podem levar danos irreparáveis às fontes de recurso hídrico. Em contrapartida, para produzir uma tonelada de papel, reciclando aquele que já foi usado e descartado, reduzir esse consumo e resíduos pela metade.

Considerando essas informações sobre a reciclagem de papel, assinale V para as afirmativas Verdadeiras e F para as falsas:

(  ) Também é possível afirmar que menos matéria-prima será consumida (evitando o impacto sobre a biodiversidade com a ampliação de áreas enormes de madeiramento não-nativo).

(  ) Geração de mais empregos associados à coleta do papel que foi usado e à sua reciclagem.

(  ) O processo de reciclagem é tão caro que se torna, economicamente, inviável para qualquer empresário do ramo.

Assim sendo, está correta a alternativa:


V; V; F


V; F; V


F; F; F 


F; V; F


V; V; V

Leia com atenção:

 Um cidadão é um indivíduo que pode participar no judiciário e na autoridade, isto é, nos cargos públicos e na administração política e legal. (ARISTÓTELES. A política. Traduzido por Roberto Leal Ferreira. São Paulo: Martins Fontes, 2002.)

A palavra “cidadania” possui inúmeros significados. Contudo, o trecho anterior apresenta a forma clássica desse termo (como, originalmente, era empregado). Sabendo disso, podemos considerar que a Cidadania Clássica foi superada pela Cidadania Moderna; que tem como marco inicial os eventos:


Primeira e Segunda Guerra Mundial


Revolução Inglesa e Revolução Francesa


Guerra do Paraguai e Revolução Cubana.


Neocolonialismo na África e na Ásia.


Revolução Russa e Unificação Italiana.

Leia atentamente:

“Entre 1963 e 2001, 2.092 pessoas foram assassinadas pela simples razão de serem gays, transgêneros ou lésbicas. Somente em 2000, foram 130 assassinatos, dos quais 69% gays, 29% travestis e 2% lésbicas. O País não passa três dias sem que um gay, uma travesti ou uma lésbica não sejam brutalmente assassinados, vítimas do preconceito.” (MOTT, Luiz. CERQUEIRA, Marcelo. Causa Mortis: Homofobia. Grupo Gay da Bahia. Salvador, 2001.)

O que pode ser entendido como fator que favorece a permanência desse contexto de violência ainda em nossos dias? Assinale a alternativa correta


O toxico do preconceito transmitido de geração para geração e que não tem encontrado seu antídoto na educação de base.


a natureza preconceituosa do brasileiro que tem na sua genética a propensão para esse comportamento.


a fragilidade do movimento gay que nada tem feito em favor da própria comunidade e sem conquistas civis relevantes.


a arrogância provocativa dos líderes de organizações pró-homossexualidade que promovem passeatas e manifestações ilegais.


a força do texto bíblico que absolutamente condena e prega a violência contra os homossexuais.

Leia com atenção a citação:

O trato com pessoas idosas nem sempre é fácil e a preguiça de tentar compreender seus valores, ansiedade e história de vida, muitas vezes belíssima, pode levar as pessoas a rotularem seus comportamentos como coisa de velho ou caduquice, desconsiderando seu valor individual. (LEME, Luiz Eugênio Garcez. “Quem gosta de velho é reumatismo!”. In: PINSKY, Jaime (org.). 12 faces do preconceito. São Paulo: Contexto, 2011, p.22).

O preconceito contra os idosos se manifesta de forma bastante comum em nossa sociedade. Algumas concepções sobre o envelhecimento influenciam tal postura, dentre as quais destacamos:

I.    A sociedade brasileira atribui uma ideia positiva à velhice, tendo em vista o crescimento da taxa de envelhecimento no país.

II.    A velhice ainda é despolitizada, assim é necessário que se busque caminhos para assegurar os direitos e conquistar um novo lugar e significado na sociedade.

III.    A sociedade capitalista necessita da produtividade e o idoso é, por vezes, visto como um ser improdutivo, inativo.

É CORRETO apenas o que se afirma em:


I e II.


III.


I, II e III.


II e III.


I.

A perspectiva de um mundo mais tolerante entende que as individualidades e/ou grupos sociais mantenham a harmonia com aqueles que sustentam uma mentalidade social distinta, com uma maneira de viver diferente. Em relação à vida social e a diversidade, assinale, dentre as assertivas seguintes, aquela que esteja correta:


Os grupos hegemônicos, que controlam a vida econômica dos demais, devem determinar os valores de toda a vida social.


As leis e organismos institucionais permitem que as pessoas estejam liberadas de seus deveres e obrigações junto à comunidade.


Os mitos, valores morais e éticos, comportamento, preferências e invenções fazem parte do patrimônio cultural que vivifica uma sociedade. 


Um dos efeitos da globalização é reduzir a diversidade étnica em vários países, o que favorece a consolidação da cidadania (direitos e deveres).


O cidadão sem recursos deve acompanhar as normas impostas, as que controlam ações individuais e que são impostas pelas classes dominantes.

Leia com atenção:

Art. 1o  Esta Lei cria mecanismos para coibir e prevenir a violência doméstica e familiar contra a mulher, nos termos do § 8o do art. 226 da Constituição Federal, da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Violência contra a Mulher, da Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher e de outros tratados internacionais ratificados pela República Federativa do Brasil; dispõe sobre a criação dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher; e estabelece medidas de assistência e proteção às mulheres em situação de violência doméstica e familiar. (LEI Nº 11.340, DE 7 DE AGOSTO DE 2006.)

Como ficou conhecida no Brasil a legislação a qual pertence o artigo anterior? Assinale a alternativa correta:


Lei Eusébio de Queirós


Lei Maria da Penha


Lei do Ventre livre


Lei áurea


Leia dos sexagenários

Leia atentamente:

"Ora, a casa para as pessoas, conforme se evidenciou neste texto, significa proteção. Tais elementos são reforçados durante a vida por diversos fatores: como os pais que alimentam e dão carinho, que zelam pelo bem-estar e aconchego dos habitantes da casa. Neste sentido, qualquer agressão a casa trona-se uma agressão ao próprio homem, que a defende, como se defendesse sua própria vida. A ideia de casa se funde com a de segurança e essa com a de vida, ou sobrevivência, em última análise. [...] Se o homem considera o carro como extensão de sua casa vai ter em relação a este os mesmos sentimentos." (HOFFMANN, Maria Helena e CRUZ, Roberto Moraes (orgs). Comportamento Humano no Trânsito. São Paulo: Casa do psicólogo, 2011.)

Em que circunstâncias essa relação se torna socialmente nociva? Assinale a alternativa correta:


Quando ele descuida de seu carro, conforme ocorre em sua casa, sujando o seu interior com embalagens e migalhas de comida.


Quando o cidadão não percebe que num espaço que é público está tendo sentimentos relacionados com o seu espaço privado, pode entrar em situação de conflitos.


Quando o cidadão altera as características estéticas de fábrica (cor, por exemplo), personalizando o carro, tal qual faz com sua casa e poluindo visualmente as ruas.


Quando o cidadão deixa de usar seu veículo, temendo pela sua integridade, e o mantem fixo em sua garagem, como se esse fosse um artefato doméstico.


Quando o cidadão só permite que o carro seja ocupado por sua parentela próxima, qual ocorre em sua casa, contrariando a etiqueta social que vê a carona como estratégia relacional.

Leia o texto publicado para o Jornal do Brasil, Marina de Mello e Souza relata que:

"ao serem arrancados de suas aldeias e transportados pelo continente africano rumo às feiras regionais e aos portos costeiros, os escravos de diferentes etnias misturaram-se, aprenderam a se comunicar, criaram novos laços de sociabilidade que se consolidaram durante os horrores da travessia atlântica, e se institucionalizaram no seio da sociedade escravista colonial, à qual foram inseridos à força, acabando por encontrar formas de integração."

(SOUZA, Marina de Mello e. Destino impresso na cor da pele. Jornal do Brasil, Caderno de Idéias especial, Rio de Janeiro, 29 abr. 2000.)

Considerando as preciosas informações contidas no texto anterior, podemos afirmar que:


a África é um grande bloco étnico, sem qualquer variedade sócio-cultural, onde impera a ausência de diversidade.


 toda a variedade étnica que caracterizava o continente africano, não vingou em terras brasileiras, onde existe pouca diversidade cultural.


tanto no Brasil, quanto na África, um único grupo étnico suplantou os demais, instaurando um estado de apatia cultural.


a África que veio para o Brasil expressa diversidade étnica, mas, o continente africano em si, apresenta pouca variedade cultural.


a cultura afro-brasileira advém de um processo de combinação e reelaboração de diversas culturas da África.

De acordo com dados da ONU, estima-se que 18,2% da população mundial possuem “deficiências graves ou moderadas”. No Brasil, segundo dados do Censo IBGE 2010, há cerca de 45,6 milhões de pessoas com deficiência, o que corresponde a 23,92% da população brasileira. Considerando esse número significativo é preciso assegurar às pessoas com deficiência o direito à cidadania, dentre os quais destacam-se:

 I. As pessoas com deficiência devem gozar de alguns direitos exclusivos, em função de sua incapacidade, devendo ter tratamento privilegiado.

 II. A educação constitui direito da pessoa com deficiência, devendo ser assegurado sistema educacional inclusivo em todos os níveis e aprendizado ao longo de toda a vida.

 III. O trabalho destinado à pessoa com deficiência deve se restringir a funções relativas às suas limitações, para que não prejudique a empresa.

 IV. O direito ao transporte e à mobilidade da pessoa com deficiência ou com mobilidade reduzida será assegurado em igualdade de oportunidades com as demais pessoas.

É CORRETO apenas o que se afirma em:


I, II, III e IV.


II, III e IV.


II e IV.


I e II.


I, II e III.