ESTUDOS INTERDISCIPLINARES EM PEDAGOGIA


Scussel (2010) discute as principais tendências que orientam a prática da educação especial: normalização, integração e inclusão. No que se refere ao princípio da integração avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.

 

SCUSSEL, D. R. Educação escolar para todos. In: TOSTA, et. al. Criança e Desenvolvimento II/ Necessidades educativas infantis. São Paulo. Person Prentice Hall, 2010. (adaptado)

 

I – O princípio da integração advoga que os alunos com dificuldades ou com necessidades especiais, que se adaptam às classes regulares, sejam encaminhados para as escolas ou salas de aula regulares. Para àquelas crianças com necessidades especiais graves, que não se adaptam ao ensino regular, sejam encaminhados para as escolas ou salas especiais.

 

PORQUE

 

II – Esse princípio tem como prerrogativa atender a todos os alunos no ensino regular, independentemente de suas dificuldades, distúrbios ou deficiência.

 

A respeito dessas asserções, analise a opção correta:


As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.


As asserções I e II são proposições falsas.


A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.


A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.


As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II é uma justificativa correta da I.

Leia o conceito de deficiência física.

“Art. 4º deficiência física – alteração completa ou parcial de um ou mais segmentos do corpo, acarretando o comprometimento da função física, apresentando-se sob forma de paraplegia, paraparesia, monoplegia, monoparesia, tetraplegia, triplegia, triparesia, hemiplegia, hemiparesia, amputação ou ausência de membro, paralisia cerebral, membros com deformidade congênita ou adquirida, exceto as deformidades estéticas e as que não produzam dificuldades para o desempenho das funções.”

 

BRASIL. Decreto nº. 3.298 de 20 novembro de 1999. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/D3298.htm. Acesso em 13 de agosto 2017.

 

A partir do excerto, em relação a função física de uma pessoa, analise as assertivas a seguir e considere V as verdadeiras e F as falsas.

( ) A função física de uma pessoa pode ser comprometida pela falta de algum membro ou pela falta de mais de um membro do corpo.

( ) A função física, pode ser comprometida se ocorrer má formação ou deformação dos membros que provoquem alterações e comprometimento musculares e esqueléticos.

( ) A função física de uma pessoa pode ser comprometida por disfunções de ordem neurológica que podem alterar as funções motoras.

( ) A função física de uma pessoa pode ser comprometida por disfunções de ordem emocionais que alteram especificamente as funções cognitivas

 

A alternativa que representa a sequência correta é:


F – F – V – F.


V – V – V – F.


V – F – V – V.


V – F – F – V.


V– V – F – V.

Leia o conceito de deficiência física.

“Art. 4º deficiência física – alteração completa ou parcial de um ou mais segmentos do corpo, acarretando o comprometimento da função física, apresentando-se sob forma de paraplegia, paraparesia, monoplegia, monoparesia, tetraplegia, triplegia, triparesia, hemiplegia, hemiparesia, amputação ou ausência de membro, paralisia cerebral, membros com deformidade congênita ou adquirida, exceto as deformidades estéticas e as que não produzam dificuldades para o desempenho das funções.”

 

BRASIL. Decreto nº. 3.298 de 20 novembro de 1999. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/D3298.htm. Acesso em 13 de agosto 2017.

 

A partir do excerto, em relação a função física de uma pessoa, analise as assertivas a seguir e considere V as verdadeiras e F as falsas.

( ) A função física de uma pessoa pode ser comprometida pela falta de algum membro ou pela falta de mais de um membro do corpo.

( ) A função física, pode ser comprometida se ocorrer má formação ou deformação dos membros que provoquem alterações e comprometimento musculares e esqueléticos.

( ) A função física de uma pessoa pode ser comprometida por disfunções de ordem neurológica que podem alterar as funções motoras.

( ) A função física de uma pessoa pode ser comprometida por disfunções de ordem emocionais que alteram especificamente as funções cognitivas

 

A alternativa que representa a sequência correta é:


F – F – V – F.


V – V – V – F.


V – F – V – V.


V – F – F – V.


V– V – F – V.

Os alunos da Educação de Jovens e Adultos chegam à sala de aula com saberes construídos a partir de suas vivências em todos os contextos por onde circulam – familiar, profissional, de lazer ou religioso. Os professores devem trabalhar tais saberes por meio de atividades em que sejam:


reconstruídos em torno de parâmetros de correção prévios.


integrados aos conteúdos das diferentes áreas do conhecimento.


relativizados por serem construídos fora do processo de escolarização.


esvaziados por sua associação ao fracasso escolar dos alunos.


avaliados para uma compreensão dos erros epistemológicos.

Os alunos da Educação de Jovens e Adultos chegam à sala de aula com saberes construídos a partir de suas vivências em todos os contextos por onde circulam – familiar, profissional, de lazer ou religioso. Os professores devem trabalhar tais saberes por meio de atividades em que sejam:


reconstruídos em torno de parâmetros de correção prévios.


integrados aos conteúdos das diferentes áreas do conhecimento.


relativizados por serem construídos fora do processo de escolarização.


esvaziados por sua associação ao fracasso escolar dos alunos.


avaliados para uma compreensão dos erros epistemológicos.

Para desenvolver uma aula de Ciência, a professora Laura dividiu sua turma de 5º ano em grupos. Os grupos foram formados a partir de sorteio aleatório, buscando assim, proporcionar a formação de grupos mais heterogêneos quanto ao nível de conhecimento. Dessa forma, cada grupo recebeu um texto sobre “Areia movediça” e um roteiro contendo perguntas que auxiliassem na elaboração de sua hipótese.

Ao trabalhar em conjunto, o grupo de Lucas apresentou dificuldades na compreensão do texto e para responder as perguntas. Sendo assim, a professora retomou os conceitos sobre a presença de água em bancos de areia, a mobilidade dos grãos e a profundidade desses poços. Entretanto, o grupo de Lucas, mesmo após a explicação, não conseguiu formular a hipótese. Diante dessa dificuldade apresentada, a professora adicionou uma porção de areia em um copo e acrescentou água até ficar muito úmido. Com essa prática, os integrantes do grupo do Lucas conseguiram apontar diversos aspectos da experiência, no qual concluíram que:

 

A areia movediça é um fenômeno da natureza comum em ambientes com a presença de solos arenosos e com muita água. Abaixo da superfície, essa água em abundância preenche todos os espaços existentes entre as partículas que formam o solo, saturando-o. Como o atrito diminui, temos a impressão que a areia se move”.

 

Ao analisarmos o processo de construção do conhecimento na aula de Ciências da professora Laura, percebemos que a docente atuou na Zona de Desenvolvimento Proximal (ZDP) de seus alunos. Sobre a ZDP, podemos inferir que:


É a distância que resulta na aquisição da aprendizagem influenciada exclusivamente pelo fator emocional da criança.


É a distância que resulta na aquisição da aprendizagem influenciada exclusivamente pelo fator psicológico da criança.


É a distância que resulta na aquisição da aprendizagem influenciada exclusivamente pelo fator biológico da criança.


É a distância que resulta na aquisição da aprendizagem influenciada exclusivamente pelo fator sociológico da criança.


É a distância entre as práticas que uma criança já domina e as atividades nas quais ela ainda necessita de ajuda.

(ENADE- 2011 - ADAPATADO)

Considere a situação em que a professora Marta, da Educação Infantil, há três anos, prevê no planejamento de suas aulas, a utilização de muitas brincadeiras em sala que está organizada para atender as crianças em seus aspectos físicos, cognitivos, afetivos e motores. Considere, ainda, que, em determinada aula, seus alunos organizam a sala para simular o atendimento a animais machucados e doentes. Enfileiram bichos de pelúcia e começam a tratá-los e medicá-los. Colocam na porta uma placa que indica que a sala é um consultório veterinário. Alguns alunos vestem aventais e outros atuam como atendentes ou donos de animais.

 

Com base na situação descrita, infere-se que, entre os objetivos da atividade realizada pela professora Marta, inclui-se o de:

I. Ensinar comportamentos sociais, por meio de processos de interação que se iniciam aos três anos de idade, o nível mais elementar do desenvolvimento cognitivo da criança.

II. Demonstrar às crianças a capacidade delas para agir como adultos, constituindo um ritual de passagem da infância para a adolescência.

III. Desenvolver a linguagem oral, a sociabilidade e o senso de cooperação na criança por meio de sua interação social.

IV. Auxiliar no desenvolvimento da imaginação e da capacidade de utilização de símbolos representativos de pessoas e coisas do mundo real.

 

É correto o que se afirma em:


II, III e IV, apenas.


II e IV, apenas.


I, II e III, apenas.


III e IV, apenas.


I e III, apenas.

(ENADE- 2011 - ADAPATADO)

Considere a situação em que a professora Marta, da Educação Infantil, há três anos, prevê no planejamento de suas aulas, a utilização de muitas brincadeiras em sala que está organizada para atender as crianças em seus aspectos físicos, cognitivos, afetivos e motores. Considere, ainda, que, em determinada aula, seus alunos organizam a sala para simular o atendimento a animais machucados e doentes. Enfileiram bichos de pelúcia e começam a tratá-los e medicá-los. Colocam na porta uma placa que indica que a sala é um consultório veterinário. Alguns alunos vestem aventais e outros atuam como atendentes ou donos de animais.

 

Com base na situação descrita, infere-se que, entre os objetivos da atividade realizada pela professora Marta, inclui-se o de:

I. Ensinar comportamentos sociais, por meio de processos de interação que se iniciam aos três anos de idade, o nível mais elementar do desenvolvimento cognitivo da criança.

II. Demonstrar às crianças a capacidade delas para agir como adultos, constituindo um ritual de passagem da infância para a adolescência.

III. Desenvolver a linguagem oral, a sociabilidade e o senso de cooperação na criança por meio de sua interação social.

IV. Auxiliar no desenvolvimento da imaginação e da capacidade de utilização de símbolos representativos de pessoas e coisas do mundo real.

 

É correto o que se afirma em:


II, III e IV, apenas.


II e IV, apenas.


I, II e III, apenas.


III e IV, apenas.


I e III, apenas.

(Questão adaptada - Enade 2017)

Sobre a televisão, considere a tirinha a seguir:

 

 

Texto 2

A televisão é esse contínuo de imagens, em que o telejornal se confunde com o anuncio de pasta de dentes, que é semelhante a novela, que se mistura com a transmissão de futebol.  Os programas mal se distinguem uns dos outros. O espetáculo consiste na própria sequência, cada vez mais vertiginosa, de imagens. 

Peixoto, N.B. As imagens de TV têm tempo? In: NOVAES, A. Rede Imaginária: televisão e democracia. São Paulo: Companhia das letras, 1991 (adaptado).

 

Com base nos textos 1 e 2, é correto afirmar que  o tempo de recepção típico da televisão - como veículo de comunicação - estimula a:


Contemplação de textos verbais e não verbais como meio de reflexão acerca do estado de coisas importantes do mundo contemporâneo, traduzido em forma de espetáculo. 


Fragmentação e excesso de informação, que evidenciam a opacidade do mundo contemporâneo, cada vez mais impregnado de imagens e informações superficiais.


Conteúdos capazes de desencadear a reflexão crítica do telespectador, uma vez que permite o acesso a uma sequência de assuntos de interesse público que são apresentados de forma justaposta, o que permite o estabelecimento de comparações.


Especialização do conhecimento cientifico, com vistas a promover uma difusão de valores e princípios éticos amplos e combate aos diferentes modos de discriminação e preconceito.


Desenvolver da capacidade de concentração do telespectador, uma vez que os recursos expressivos próprios do meio garantem a motivação necessária para  assuntos que permitem discussões e análises criticas. 

O grande desafio das escolas que trabalham com a Educação de Jovens e Adultos – EJA – é a aprendizagem dos alunos. À organização escolar cabe elevar a qualidade dessa aprendizagem. Diante disso, o professor que trabalha nesta modalidade deve atuar visando atingir esse objetivo, o que exige, cada vez mais, formação de qualidade.

Considerando esse tema, avalie as afirmações a seguir.

I - As políticas educacionais de formação de educadores devem priorizar a formação docente inicial, uma vez que a formação continuada é responsabilidade de cada docente.

II – Nos processos de formação de professor devem ser desenvolvidas competências e habilidades relacionadas à organização e gestão escolar, além das que dizem respeito ao trabalho pedagógico e aos aspectos éticos e de relações interpessoais.

III – O preparo profissional docente requer apropriação e mobilização de conhecimentos que se relacionam com o ensino dos conteúdos, avaliação da aprendizagem, gestão de sala de aula além dos valores e normas de convivência social e coletiva.

 

É correto o que se afirma em:


I, apenas.


II e III, apenas.


I, II e III.


II, apenas.


I e III, apenas.

Páginas: 1234