CIDADANIA, HETEROGENEIDADE E DIVERSIDADE


Um importante documento escrito na “Rio 92”, com uma grande participação de organizações não governamentais e representantes da sociedade civil foi “A Carta da Terra”. Ela trás importantes ressalvas sobre o meio ambiente e foi retificada pela UNESCO e aprovada pela ONU em 2002:

Estamos diante de um momento crítico na história da Terra, numa época em que a humanidade deve escolher seu futuro. À medida que o mundo torna-se cada vez mais interdependente e frágil, o futuro enfrenta, ao mesmo tempo, grandes perigos e grandes promessas. Para seguir adiante, devemos reconhecer que, no meio de uma magnífica diversidade de culturas e formas de vida, somos uma família humana e uma comunidade terrestre com um destino comum. Devemos somar forças para gerar uma sociedade sustentável global baseada no respeito pela natureza, nos direitos humanos universais, na justiça econômica e numa cultura da paz. Para chegar a este propósito, é imperativo que nós, os povos da Terra, declaremos nossa responsabilidade uns para com os outros, com a grande comunidade da vida, e com as futuras gerações (Carta da Terra – Organização das Nações Unidas, 2002.).

O termo “desenvolvimento sustentável”, constantemente, aparece associado à noção de preservação do meio ambiente. Contudo, nem sempre se tem uma compreensão acertada desse conceito. Assim sendo, assinale a alternativa que, de fato, elucida a questão, definindo corretamente essa matéria tão importante. 


Usufruir dos recursos naturais e transformá-los em riquezas, mas utilizando técnicas que não deixem impactos ambientais nocivos para as gerações do futuro.


O fechamento de todas as indústrias que venham a produzir algum tipo de resíduo, seja qual for, para retroceder nos danos ambientais.


Investimentos em educação ambiental nas escolas, visando a formação de uma geração absolutamente vegetariana.


Encerrar todos os esforços econômicos do mundo capitalista para conseguir reverter o processo de degradação do meio ambiente. 


Avançar com reflorestamento ostensivo sobre regiões de aglomerado humano (Grandes Cidades) para restituir o primado da Natureza.

Leia o trecho seguinte:

"Em trânsito, a rapidez com que você passa da saúde para a doença é, talvez, mais rápida e imprevisível do que em todas as outras circunstâncias de risco que a vida cotidiana oferece. Tido como entre as mais fortes economias mundiais e considerado como uma potência emergente, o Brasil, no entanto, figura como um dos países mais violentos em acidentes de trânsito." (HOFFMANN, Maria Helena e CRUZ, Roberto Moraes (orgs). Comportamento Humano no Trânsito. São Paulo: Casa do psicólogo, 2011.)

O que se pode afirmar sobre o trânsito brasileiro? Escolha as afirmativas corretas:

I - Participa com 3,3% do número de veículos da frota mundial;

II - É responsável por 5,5% de veículos envolvidos em acidentes com vítimas fatais no mundo;

III - Em 1985, os registros já acusavam 25.000 óbitos no local do acidente por ano;

IV - 90% dos feridos no trânsito, na sua maioria em faixa etária infantil, fica mutilado ou incapacitado definitivamente.

Agora, assinale a opção correta:


Apenas III e IV


Todas as afirmativas estão corretas.


Apenas I; II e III


Apenas II e IV


Apenas I e IV

Leia atentamente:

"Segundo a Abramet, 92% dos acidentes de trânsito são provocados direta ou indiretamente pelo chamado fator humano. Essa constatação eleva a preocupação governamental, observada a flagrante indiferença do cidadão brasileiro com respeito às leis de trânsito" (HOFFMANN, Maria Helena e CRUZ, Roberto Moraes (orgs). Comportamento Humano no Trânsito. São Paulo: Casa do psicólogo, 2011.)

Quanto à preocupação do governo e sua ação efetiva junto ao problema, o que pode ser afirmado? Assinale a alternativa correta: 


Os índices de infrações são mentirosos e falseados pelo governo que pretende com isso burlar a vigilância da opinião pública.


Os índices de infrações assinalam uma quase completa mudança no comportamento brasileiro, já que não mais foram registrados acidentes após as campanhas governamentais.


Os índices de infrações permanecem os mesmos porque não interessa, de fato, uma mudança no panorama, haja visto que sequer se produziu vídeos para a TV.


Os índices de infrações aumentaram porque as pessoas contrárias ao governo adotaram um comportamento mais imprudente para afrontar o Estado.


Os índices de infrações e acidentes não diminuem, mesmo com uma série de propagandas educativas, ações estaduais e municipais.

Leia a seguir:

92% dos acidentes de trânsito são provocados direta ou indiretamente pelo chamado fator humano. Essa constatação eleva a preocupação governamental, observada a flagrante indiferença do cidadão brasileiro com respeito às leis de trânsito... (HOFFMANN, Maria Helena. CRUZ, Roberto Moraes. (org) Comportamento Humano no Trânsito. São Paulo: Casa do psicólogo, 2011.) 

Dentre os fatores seguintes, qual pode ser apontado como um fator humano? Assinale a alternativa correta:


Animais no asfalto


Pista molhada


Dirigir embriagado


Pneu furado


Forte neblina

Leia o trecho seguinte:

O trato com pessoas idosas nem sempre é fácil e a preguiça de tentar compreender seus valores, ansiedade e história de vida, muitas vezes belíssima, pode levar as pessoas a rotularem seus comportamentos como coisa de velho ou caduquice, desconsiderando seu valor individual. (LEME, Luiz Eugênio Garcez. “Quem gosta de velho é reumatismo!”. In: PINSKY, Jaime (org.). 12 faces do preconceito. São Paulo: Contexto, 2011, p.22)

Esse desdém da sociedade contemporânea pelo idoso pode ser atribuído à qual mentalidade? Assinale a alternativa correta:


Socialista e libertária


Escravista e positiva


Capitalista e pragmática


Anarquista e igualitária


Católica e humanista

O Estado deve assumir o enfrentamento de um grave problema social brasileiro que é a violência contra a mulher. Essa mobilização pública pode se dar em sistema de parceria organizações privadas. Sobre esse compromisso das instituições é possível afirmar que:


saibam distinguir o que é direitos conquistados pelos homens e que não se deve tirar deles.


impedir que a justiça tome as dores da mulher em prejuízo dos direitos dos homens.


dar combate a toda forma de aproximação entre os gêneros, reforçando as diferenças.


pretende, tão somente, promover a aproximação entre as vítimas e a força policial.


garantir que haja uma mudança nas mentalidades para que a mulher seja tratada como cidadã.

Leia atentamente o que afirma o historiador Sérgio Buarque de Holanda sobre o panorama étnico de Portugal às vésperas do descobrimento:

"a ausência completa, ou praticamente completa, entre eles, de qualquer orgulho da raça. Ao menos do orgulho obstinado e inimigo de compromissos, que caracteriza os povos do Norte. Essa modalidade de seu caráter, que os aproxima das outras nações de estirpe latina e, mais do que delas, dos mulçumanos da África, explica-se muito pelo fato de serem os portugueses, em parte, e já ao tempo do descobrimento do Brasil, um povo de mestiços."

(HOLANDA, Sérgio Buarque de. Raízes do Brasil. Rio de Janeiro, José Olympio, 1976, p.22.)

 

Refletindo sobre o que diz o historiador e as indicações de leitura da etapa em curso, aponte a alternativa que conecta a realidade sócio-cultural lusitana e o seu impacto sobre a formação do povo brasileiro:


O multiculturalismo português só vingou no Brasil porque encontrou índios e negros submissos, sem nenhuma expressividade cultural.


Assim como Portugal, o Brasil foi feito de uma combinação especial de possibilidades étnicas.


Toda a diversidade descrita por Sérgio Buarque, não atravessou o Atlântico, ficando restrita à Península.


A pluralidade étnica de Portugal, pouco afetou o processo civilizatório brasileiro.


Portugal influenciou a tal ponto o Brasil, que não sobrou espaço para as manifestações indígenas e africanas.

Faça uma pequena pesquisa na internet sobre o ensino brasileiro e a luta contra o racismo. Como o tema tem sido abordado nas escolas?

Agora que você tomou conhecimento da situação da escola brasileira no campo das tensões étnico-raciais, atribua V (verdadeiro) ou F (falso) nas alternativas abaixo.

(   ) Foram constantes as reivindicações durante décadas, de movimentos organizados, para que fosse incluído no currículo do ensino fundamental e médio, tanto na rede pública quanto na particular, o ensino de Cultura e História Afro-brasileira.

(   ) A demanda da comunidade afro-brasileira por reconhecimento, valorização e afirmação de direitos, no que diz respeito à educação, passou a ser particularmente apoiada com a promulgação de leis que alteraram a Lei de Diretrizes e bases da Educação (Lei 9.394/1996).

(   ) A Lei 12.288/2010 institui o Estatuto da Igualdade Racial, destinado a garantir à população negra a efetivação da igualdade de oportunidades, a defesa dos direitos étnicos individuais, coletivos e difusos e o combate à discriminação e às demais formas de intolerância étnica.

(   ) As desigualdades percebidas na sociedade são minimamente reduzidas pelos direitos sociais que visam garantir a justiça social. 

 

Assinale a sequência correta:


F, F, F, F


V, V, V, F


V, V, V, V


V, V, F, V


V, F, F, F

Leia com atenção:

O Brasil ainda é um país com a maioria da população jovem, ainda temos elevado percentual de jovens no mercado de trabalho, mas temos que nos preparar para o envelhecimento da população, principalmente em relação à pressão sobre a Previdência. Entre as iniciativas válidas está a de apoiar a implementação de recursos com Previdência complementar. Precisamos pensar e criar mecanismos que tornem o sistema mais sustentável.

(Bárbara Cobo, pesquisadora de indicadores sociais do IBGE).

 

Sobre esse crescimento da população idosa e suas necessidades específicas, analise as afirmativas a seguir e selecione as afirmativas verdadeiras:

 

    I.   O envelhecimento é uma condição humana e a sua proteção um direito social.

    II.  O Estatuto do Idoso é uma lei estadual que garante os direitos do cidadão acima de 70 anos.

    III. O crescimento da população de idosos no Brasil pode ser atribuído ao aumento da expectativa de vida e diminuição das taxas de natalidade.

    IV. Aos maiores de 65 (sessenta e cinco) anos é assegurada a gratuidade dos transportes coletivos públicos.

 

Agora, assinale a alternativa com a sequência correta:


I, III e IV.


I, II e III.


I, II, III e IV.


III e IV.


II e IV.

Leia com atenção:

“Vários estudos atestam que os atuais padrões de consumo crescem mais rapidamente que a capacidade de regeneração dos sistemas naturais. Ou seja, para manter os níveis de uso de recursos como a água, os minérios, os solos e as florestas da maior parte da população mundial, seriam necessários vários planetas Terra”. (MARTINS, D. et al. Geografia, sociedade e cotidiano: espaço mundial. Volume 03, 3ª ed. São Paulo: escala educacional, 2013. p.264).

A solução para a subsistência de uma população mundial que passa dos 7 bilhões de seres humanos está no conceito de:


Exploração


Sustentabilidade


Progresso


Rendimentos


Esgotamento