GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO


Vimos em nossos estudos que as concentrações populacionais na América do Norte, em especial nos EUA, não se comparam às concentrações em regiões do continente asiático, como a China e a Índia. Aliás, a Ásia abriga mais de 60% da população mundial. Sobre a China é correto afirmar:


A industrialização na China se efetiva com grandes vínculos comunistas, uma vez que se associa ao processo de modernização pela abertura de sua economia, porém os lucros das empresas não podem sair do país.


Apesar do crescimento das empresas privadas nas zonas econômicas especiais e do aumento da presença do capital estrangeiro, a maior parte das indústrias chinesas ainda pertence ao Estado.


Na China há grande disparidade entre a população do campo e da cidade. No campo a qualidade de vida é muito melhor, pois a população está distante das fábricas poluidoras. Isso contribui com a redução da mortalidade infantil. 


No final dos anos 1970 foram criadas as comunas agrícolas populares, comunidades pertencentes ao Estado onde cada família deve cultivar a terra de acordo com as necessidades da Nação, além de entregar ao Estado parte da produção.


A China é um país de contrastes. Essa república adota dois sistemas econômicos: o comunista e o socialista. Esses dois modelos econômicos são comandados pelo Partido Socialista Chinês.

Vimos em nossos estudos que a formação e a distribuição da população no globo são desiguais, tanto por aspectos naturais, quanto por motivos histórico-culturais. A respeito desse assunto, leia e julgue as assertivas abaixo:

(  ) Apesar de extremamente geladas as regiões árticas da Terra abarcam um povoamento permanente, composto pelas tribos de pescadores esquimós e os pastores nômades da tundra.

(  ) As regiões da zona temperada do hemisfério Norte congregam quase metade dos habitantes da terra. Tal povoamento corresponde ao setor de desenvolvimento e expansão da economia de sociedades industriais.

( ) Fatores históricos como a Revolução Industrial, as grandes guerras e a constante migração, tiveram enorme participação para a maior concentração populacional em áreas temperadas.

(  ) Grande densidade de concentrações populacionais do mundo estão nos continentes asiático e africano, além da América do Sul, tal concentração se dá dentre outros motivos, pela falta de políticas públicas que diminuam ou evitem os altos índices de natalidade.

 

 A sequência que preenche corretamente as lacunas acima é:


V, V, F, V.


F, F, V, F.


F, V, V, V.


V, F, F, F.


V, V, V, F.

Os processos migratórios são relevantes não somente para a concentração populacional em determinada região, mas também, para o seu crescimento. Considerando os tipos de migrações e seus conceitos analise as afirmativas abaixo:

I- O deslocamento individual ou de um grupo de pessoas de um lugar para outro, é denominado de migração.

II- As migrações podem ser externas, que ocorrem de um país para o outro e as migrações internas ocorrem dentro do mesmo país.

III- As migrações populacionais sempre são motivadas por questões econômicas.

IV- Emigrante e imigrante são termos diferentes, mas que definem a mesma situação a saída de alguém da sua terra natal.

É correto o que se afirma em:


III, apenas.


I, III e IV, apenas.


I, apenas.


I e II, apenas.


II e III, apenas.

Êxodo rural é definido como o deslocamento de pessoas do campo para as cidades. Ao analisar as cidades percebe-se que sua produção está atrelada às mudanças tecnológicas no campo. A respeito desse assunto analise as afirmativas abaixo.

I-  A urbanização se realizou pelo fenômeno do êxodo rural, promovido pela modernização agrícola da década de 1950.

II- O êxodo rural foi responsável por fornecer mão de obra para as indústrias urbanas e garantir um exército de reserva.

III- O crescimento das cidades, quando não é planejado é acompanhado de uma série de problemas que inviabiliza a qualidade de vida.

É correto o que se afirma em:


I, II e III.


I e II, apenas.


I, apenas.


III, apenas.


I e III, apenas.

O Índice de Desenvolvimento Humano é um dos indicadores mais confiáveis para a avaliação da qualidade de vida de uma população. Ainda assim, quando se diz, por exemplo, que o IDH de um país é alto, não significa que toda a população deste país viva de acordo o indicador. Com base em nossos estudos sobre IDH, assinale a alternativa CORRETA.


A maior parte dos países que apresentam Índice de Desenvolvimento Humano –IDH- considerado baixo se localiza na Europa Ocidental, América do Norte e Oceania.


Há poucos países na lista dos que apresentam elevado Índice de Desenvolvimento Humano. São assim considerados vinte e dois países que têm IDH acima de 0,5.


O Índice de Desenvolvimento Humano –IDH- é uma medida que varia entre zero (0) e dez (10). Os países mais desenvolvidos do mundo como Austrália e Noruega, se aproximam do IDH 10.   


O IDH é calculado anualmente pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Seu cálculo se baseia em três variáveis relacionadas à saúde, educação e renda.  


O Brasil está entre os países que apresentam os piores indicadores sociais do mundo. O histórico de colonização ajuda a compreender a atual colocação do país.

A ocupação dos espaços terrestres é desigual, pois sua efetivação depende, primordialmente, das condições naturais e dos fatores históricos.

De acordo com nossos estudos sobre a distribuição dos espaços terrestres e sua ocupação humana, observe atentamente o mapa abaixo e, posteriormente, assinale a alternativa que diz a verdade sobre esse assunto:

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Countries_by_population_density.svg, acessado em Out. 2015.

É possível afirmar que a única alternativa CORRETA diz que:


Poderíamos dar a este mapa o título de “densidade populacional do planeta” já que, pela gradação de cores (legenda) o Brasil está longe de ser um dos primeiros, o que não aconteceria se o mapa retratasse a população absoluta dos países.   


Pierre George (1978) afirmaria, ao observar este mapa, que a Groenlândia é um dos principais ecúmenos – áreas favoráveis à ocupação humana- do mundo. Essa realidade se explica pelo clima da ilha, que se localiza na América do Norte, mas pertence à Dinamarca, país europeu.


Não é apenas o processo histórico que influencia na distribuição da população no globo. Por isso, ao observar o mapa, vemos que os fatores naturais determinaram que as zonas climáticas mais quentes, denominadas tropicais, são as mais habitadas.


Observando o mapa podemos afirmar que quanto maior o país, maior sua população absoluta e densidade populacional. É fácil entender essa questão, já que mais espaço disponível possibilita maior ocupação do território. 


De acordo com o mapa o Japão é um dos países de maior população absoluta do globo. Seguindo essa mesma lógica, pode-se afirmar que a Rússia é um dos países que apresenta menor número populacional, provavelmente pelo tamanho de seu território.

Dinâmica populacional é um termo que se refere à flutuação dos números referentes à população. O comportamento da população, em sua dinâmica, pode ser traduzido em dados estatísticos, como os indicadores demográficos. A análise desses dados é muito importante na elaboração de planejamento de políticas sociais, entre outros.

Com base em nossos estudos e seus conhecimentos sobre esse assunto, analise as frases abaixo e anote quais são verdadeiras e quais são falsas.

(   ) Os países desenvolvidos consideram positivas as taxas de natalidade inferiores a zero, pois quanto menor o número de filhos, melhores são as condições para criá-los.  

(  ) Por meio da análise das taxas de natalidade e mortalidade de uma nação chega-se ao crescimento anual vegetativo, que é a diferença entre o número de nascimentos e óbitos.

(   ) As taxas de mortalidade e de natalidade são resultado de uma relação entre os números de óbitos e nascimentos de determinado lugar, para cada mil habitantes.

(   ) O crescimento vegetativo é igual ao crescimento anual de determinada população, registrado em porcentagem,  para grupos de cada mil habitantes.

(   ) É possível afirmar que países onde a maior parte da população recebe rendas baixas, as taxas de natalidade são também baixas, pois é mais difícil amparar os filhos.

A sequência correta está contida em:


F, F, V, V, V.


F, V, V, V, F.


F, V, V, V, V.


F, V, F, V, F.


V, V, V, V, F.

Considerando a dinâmica populacional, sua distribuição pelo globo e seus indicadores demográficos analise as afirmativas abaixo

I- O Crescimento vegetativo é a diferença entre os nascimentos e os óbitos expressos por porcentagem.

II- A taxa de natalidade indica o número de nascimentos ocorridos anualmente para cada grupo de mil habitantes.

III- A taxa de mortalidade indica o número de mortes ocorridas anualmente para cada grupo de mil habitantes.

É correto o que se afirma em


III, apenas.


II e III apenas.


I, II e III 


I e II, apenas.


I, apenas.

A preocupação com o crescimento populacional, o inchaço das cidades e a degradação do meio fizeram surgir, já a partir do século XVII, teorias referentes às consequências do crescimento demográfico, com vistas a solucionar o desequilíbrio na distribuição de recursos e renda. Com base em nossos estudos sobre teorias demográficas, se um político simpatizante das ideias neomalthusianas fosse questionado sobre a solução para o problema da miséria infantil, é provável que ele respondesse que:


Se conseguirmos convencer essas famílias mais pobres a migrarem para outras cidades mais ricas, resolveremos os problemas no nosso município.


É preciso encaminhar os pais dessas crianças a um centro médico para serem esterilizados o quanto antes, senão a situação pode se agravar.  


Se o crescimento da população é maior do que o da produção de alimentos, é preciso conscientizar esses pais da impossibilidade de terem filhos.


Essas crianças precisam ser encaminhadas a um centro de saúde para serem avaliadas e suas famílias encaminhadas a um centro de serviço social.


É preciso fazer uma reforma social na cidade, construindo projetos de redistribuição de renda de forma a melhorar a qualidade de vida dos mais pobres.

Sobre a estrutura etária da população, é correto afirmar:

 

I – Nos países industrializados europeus, tanto a taxa de natalidade quanto a de mortalidade são muito baixas, e a diferença entre elas é muito pequena, até mesmo nula.

 

II – Os países desenvolvidos mais recentemente, como Austrália e Japão, apresentam altas taxas de natalidade e alto crescimento vegetativo.

 

III- Suécia, Reino Unido e França são países com baixa expectativa de vida.

 

IV – A maioria dos países subdesenvolvidos possui uma distribuição de renda baixa e a população vive em condições precárias de existência.

 

São corretas as alternativas:


I e IV, apenas.


I e III, apenas.


III e IV, apenas.


I, II, III e IV.


I, apenas.

Páginas: 123456