CIDADANIA, HETEROGENEIDADE E DIVERSIDADE


Leia com atenção:

O Brasil ainda é um país com a maioria da população jovem, ainda temos elevado percentual de jovens no mercado de trabalho, mas temos que nos preparar para o envelhecimento da população, principalmente em relação à pressão sobre a Previdência. Entre as iniciativas válidas está a de apoiar a implementação de recursos com Previdência complementar. Precisamos pensar e criar mecanismos que tornem o sistema mais sustentável.

(Bárbara Cobo, pesquisadora de indicadores sociais do IBGE).

 

Sobre esse crescimento da população idosa e suas necessidades específicas, analise as afirmativas a seguir:

 

          I.    O envelhecimento é uma condição humana e a sua proteção um direito social.

         II.    O Estatuto do Idoso é uma lei estadual que garante os direitos do cidadão acima de 70 anos.

        III.    O crescimento da população de idosos no Brasil pode ser atribuído ao aumento da expectativa de vida e diminuição das taxas de natalidade.

       IV.    Aos maiores de 65 (sessenta e cinco) anos é assegurada a gratuidade dos transportes coletivos públicos.


 I, III e IV.
I, II, III e IV.
 I, II e III.
 II e IV.
III e IV.

Esse componente (Cidadania Heterogeneidade e Diversidade) atende a necessidades sociais prementes dos cidadãos brasileiros. O profissional de hoje em dia precisa de ferramentas intelectuais que lhe facultem lucidez social. Assim, sobre o conceito de cidadania e o seu exercício é correto afirmar que:


com exceção do direitos de crianças e idosos, tudo mais que se vivencia em espaço urbano é cidadania. 
a cidadania relaciona-se à vida na zona rural e tudo que a singulariza.
inevitavelmente, associa-se ao que se convencionou chamar de “direitos humanos”.
faz parte da tomada de consciência do cidadão, renunciar ao sentimento ético e o senso de direitos sociais.
o princípio fundamental da cidadania é situar os direitos sociais acima dos deveres comunitários.

Em virtude do rápido e crescente número de idosos na população brasileira o Estado, entendendo a necessidade de dar maior atenção a esse grupo, criou uma Lei de nº 10.741, de 1.º de outubro de 2003, denominada Estatuto do Idoso. Essa lei tem por objetivo:


assegurar a inclusão social do idoso, criando condições para promover sua autonomia e a participação efetiva na sociedade.
regular os direitos assegurados às pessoas idosas, que devem gozar de todos os direitos fundamentais inerentes à pessoa humana.
denunciar às autoridades competentes, qualquer forma de negligência ou desrespeito ao idoso.
proteger a pessoa idosa, onde a família têm o dever de amparar e assegurar sua reclusão no âmbito privado.
preparar os trabalhadores para a aposentadoria, por meio de estímulo à criação de novos projetos sociais.

Leia com atenção:

 Um cidadão é um indivíduo que pode participar no judiciário e na autoridade, isto é, nos cargos públicos e na administração política e legal. (ARISTÓTELES. A política. Traduzido por Roberto Leal Ferreira. São Paulo: Martins Fontes, 2002.)

A palavra “cidadania” possui inúmeros significados. Contudo, o trecho anterior apresenta a forma clássica desse termo (como, originalmente, era empregado). Sabendo disso, podemos considerar que a Cidadania Clássica foi superada pela Cidadania Moderna; que tem como marco inicial os eventos:


Revolução Inglesa e Revolução Francesa
Guerra do Paraguai e Revolução Cubana.
Neocolonialismo na África e na Ásia.
Revolução Russa e Unificação Italiana.
Primeira e Segunda Guerra Mundial

Devemos considerar o movimento revolucionário francês como fundamento para a elaboração da Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, de 1789. Uma carta que fixa princípios básicos relativos ao moderno conceito de cidadania.

Sobre os fundamentos dessa Declaração podemos afirmar que:

I) afirmou a igualdade legal entre os cidadãos, condenando as regalias e concessões restritas a um só grupo.

II) reforça a superioridade de alguns grupos étnicos. 

III) institui o nivelamento econômico entre todos (como princípio de igualdade).  

IV) assinala a noção da Liberdade como único bem de todo cidadão.

Assinale:


Se apenas as afirmativas II e III estiverem corretas.
Se apenas as afirmativas I e III estiverem corretas.
Se apenas as afirmativas I estiver correta.
Se apenas as afirmativas III e IV estiverem corretas.
Se apenas as afirmativas I e IV estiverem corretas.

Leia atentamente:

Todavia, é um desafio conjugar melhoria contínua de qualidade ambiental das instituições com melhores resultados econômicos, em termos de eficiência produtiva. Neste sentido, alguns aspectos importantes devem ser considerados, tais como: economia de recursos naturais e energéticos, reaproveitamento de resíduos e reciclagem, comercialização dos resíduos ou seu tratamento antes do lançamento na natureza, conquista de novos mercados, melhoria da comunicação com as comunidades e instâncias governamentais, inclusive com a redução de custos decorrentes de multas e indenizações (SILVA, R. C. Da. Financiamento para produção mais limpa: a análise do caso brasileiro. Dissertação de Mestrado. Rio de Janeiro, Fundação Getúlio Vargas, 2003, p. 21).

Assinale V para as afirmativas Verdadeiras e F para as falsas:

(  ) A ecologia sinaliza para uma tomada de consciência em todos os níveis e setores da vida social. A mobilização ambiental, sobretudo, passa pela necessidade de se pensar o desenvolvimento das forças econômicas de forma sustentável.

(  ) Não basta solucionar todos os problemas ligados à preservação do meio ambiente. É preciso, ainda, conseguir zelar pelo solo, pelo ar, pelo mar... sem deixar de atender a demanda social.

(  ) Segundo alguns relatórios d importantíssimos na mobilização mundial pela preservação do meio ambiente, Desenvolvimento Sustentável pode ser definido como: Apenas uma “fórmula vazia” que acarretou muitos prejuízos para a civilização de nosso tempo.

Assim sendo, está correta a alternativa:


F; V; F
V; F; V
F; F; F
V; V; V
V; V; F

No que tange à questão do Lixo Urbano, marque V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas.

(  ) Os lixões e aterros sanitários estão, geralmente, situados fora do perímetro urbano. Contudo, é comum que o morador das grandes cidades abandone seu lixo em terrenos baldios.

(  ) Os aterros sanitários, frequentemente, não atendem às exigências ambientais e acabam se tornando nocivos para a natureza.

(  ) O processo de decomposição dos resíduos do lixo produz um líquido fétido que evapora e não polui o solo e as águas.

Assim sendo, está correta a alternativa:


 V; V; V
F; F; F
V; V; F
V; F; V
F; V; F

Leia o texto publicado para o Jornal do Brasil, Marina de Mello e Souza relata que:

"ao serem arrancados de suas aldeias e transportados pelo continente africano rumo às feiras regionais e aos portos costeiros, os escravos de diferentes etnias misturaram-se, aprenderam a se comunicar, criaram novos laços de sociabilidade que se consolidaram durante os horrores da travessia atlântica, e se institucionalizaram no seio da sociedade escravista colonial, à qual foram inseridos à força, acabando por encontrar formas de integração."

(SOUZA, Marina de Mello e. Destino impresso na cor da pele. Jornal do Brasil, Caderno de Idéias especial, Rio de Janeiro, 29 abr. 2000.)

Considerando as preciosas informações contidas no texto anterior, podemos afirmar que:


a África que veio para o Brasil expressa diversidade étnica, mas, o continente africano em si, apresenta pouca variedade cultural.
 toda a variedade étnica que caracterizava o continente africano, não vingou em terras brasileiras, onde existe pouca diversidade cultural.
a África é um grande bloco étnico, sem qualquer variedade sócio-cultural, onde impera a ausência de diversidade.
tanto no Brasil, quanto na África, um único grupo étnico suplantou os demais, instaurando um estado de apatia cultural.
a cultura afro-brasileira advém de um processo de combinação e reelaboração de diversas culturas da África.

Leia atentamente:

Na ânsia de ter, a posse permite o auge do desfrute do prazer, mas também a perda do valor da própria coisa, com o seu uso. Essa toma então, o sentido de coisa descartável, ou seja, de algo do qual se deseja livrar, vira lixo. Já que o individuo sofre o efeito instigador e de sedução pela compra de coisas novas, por parte dos produtores em grande escala, o ciclo de produção, consumo e descarte se acelera. Como o lixo tem materialidade e ocupa território, enquanto não é percebido por outrem com o sentido de valorização, transforma-se em entulho depreciado e causador de transtornos coletivos (SANTOS, Jacinta dos. Os caminhos do lixo em Campo Grande: disposições dos resíduos sólidos na organização do espaço. Campo Grande: USCDB, 2000, P. 07)

Pensando com seriedade a questão do lixo, constatamos uma contradição social inquestionável. O mesmo lixo, fruto de um sistema de consumo desorientado e frenético, também é fonte de renda para inúmeras famílias brasileiras em condição de risco social. Qual a melhor forma de regular essa questão? Assinale a alternativa correta.


Taxação de severos impostos sobre o aproveitamento do lixo para inibir essa prática.
Destinar o lixo produzido, exclusivamente, à incineração e descarte em áreas litorâneas.
Organização de cooperativas de catadores de lixo que promovam o aproveitamento e reciclagem de forma rentável e segura.
Criminalizar a prática de apropriação do lixo destinados aos aterros sanitários.
Regulação do aproveitamento do lixo doméstico, obrigando (como exigência legal) a reciclagem domiciliar do material descartado.

Assinale V para as afirmativas Verdadeiras e F para as falsas:

(  ) Nosso paradigma de vida social é, de certa forma, autodestrutivos, na medida em que o consumo desenfreado acaba angariado prejuízos graves para vida no planeta (a curto, médio e longo prazo).

(  ) Para resolver o drama ambiental de nosso tempo, é preciso repensar nosso sistema produtivo e, consequentemente, a nossa sede de consumo.

(  ) Mais do que desenvolver técnicas de aproveitamento de resíduos, precisamos produzir menos lixo, reavaliando, para tanto, nossos padrões de educação ambiental nas escolas (com nossos futuros adultos).

Assim sendo, está correta a alternativa:


F; F; F
F; V; F
V; V; V
V; V; F
V; F; V