MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL I


Para que seja facilitada a aplicada das mais variadas tintas, é necessário que ela tenha em seus componentes algum material que facilite o transporte dela do recipiente ao substrato. Este material é o solvente. Em relação a ele, considere.

I)          Os veículos ou solventes, são materiais voláteis, que significa dizer que evaporam.

II) Eles não fazem parte da pintura após sua secagem e cura, pois por serem voláteis com o passar do tempo, vão se degradando no ambiente, e o que permanece é a tinta propriamente dita.

III) Os solventes embora sejam voláteis e deixam de fazer parte da pintura após evaporação, têm função importante na aplicação, no desempenho e na durabilidade.

IV) O teor de solvente é corrigido, conforme a necessidade, momentos antes da aplicação, pois a capacidade de absorção do substrato depende da viscosidade da tinta, da rugosidade e da porosidade.

V) A tinta látex, muito conhecida no nosso dia-a-dia é uma emulsão aquosa e tem como solvente a água.

Quanto às afirmações acima:

 


As afirmações III e IV estão corretas


As afirmações I, III e V estão corretas


Todas as afirmações estão corretas


Apenas a afirmação II está correta


Apenas a afirmação I está correta

As tintas possuem em sua composição os aditivos que são substâncias adicionadas em pequenas proporções na tinta – entre 0,1 e 2%. Eles proporcionam funções específicas tais como funções biocidas e funções reológicas. Assim como os aditivos e outros componentes, as tintas então têm suas formulações específicas. Com relação as formulações dos diferentes tipos de tintas, considere.

I) A formulação das tintas está atrelado ao que realmente difere uma tinta da outra. Para a formulação é necessário um trabalho de desenvolvimento de novos produtos, onde a proporcionalidade das matérias primas podem obter propriedades desejáveis.

II) De uma forma geral, mas não uma regra, a formulação envolve um elevado número de matérias primas, sendo aproximadamente 15 substâncias diferentes.

III) O conhecimento da formulação nos permite prever algumas propriedades, porém é necessário a realização de ensaios de desempenho para uma correta e precisa avaliação. Duas propriedades importantes são a porosidade e a durabilidade.

IV) A fabricação da tinta envolve um elevado número de matérias-primas, um fabricante, por exemplo, pode chegar a ter algo entre 750 a 1000 diferentes matérias primas em seu estoque. Parte delas é usada para a fabricação de produtos intermediários, como resinas e emulsões.

V) Uma fórmula típica para a fabricação de esmalte sintético ou tinta látex necessita mais de 10 componentes para a sua produção.

Em relação às afirmações acima:


As afirmações III e V estão corretas


Todas as afirmações estão corretas


Apenas a afirmação I está correta


As afirmações I, II e III estão corretas.


As afirmações IV e V estão corretas.

Em relação ao desgaste à abrasão superficial dos revestimentos cerâmicos, quais fatores que influenciam a perda deste aspecto superficial? Assinale a alternativa correta.

I) Tipo de desgaste por atrito (limpeza, tráfego direcional, rotacional).

II) Tipo de agente mecânico externo (couro e borracha em sapatos, elementos metálicos).

III) Tipo de material como agente intermediário (água, barro, areia, neve, substâncias orgânicas, detergentes).

IV) Intensidade de tráfego (casa, locais públicos de intensidade regular ou irregular, áreas industriais).

V) Produtos com a classe de abrasão inferior ao local indicado, ou seja, produto para baixo tráfego de pessoas aplicado em locais com alto tráfego de pessoas. O que chamamos de erro de especificação.

 

Quanto às afirmações acima:


As afirmações I e V estão corretas;


As afirmações II, III e IV estão corretas;


Apenas a afirmação III está correta;


Todas as afirmações estão corretas.


As afirmações I, III e IV estão corretas;

Segue um trecho do artigo técnico TÉCNICA DE EXECUÇÃO EM ASSENTAMENTO DE PISOS CERÂMICOS INTERNOS. (UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul).

No processo construtivo ou reforma de um apartamento ou casa, engenheiros, arquitetos e assentadores esquecem que o revestimento é um dos itens fundamentais e acabam escolhendo o piso apenas pela estética ou executando de forma incorreta os procedimentos de assentamento, sem conformidade com as normas técnicas: NBR 13753/1996: revestimento de piso interno ou externo com placas cerâmicas e com utilização de argamassa colante -  Procedimento; NBR 14081/1998: Argamassa colante industrializada para assentamento de placas de cerâmica - Especificação. Tais falhas, que podem ir desde a escolha do material a ser utilizado até a limpeza geral da obra, podem comprometer a durabilidade dos pisos cerâmicos, o que gera transtornos e insatisfação de proprietários. Conforme o texto, os engenheiros e demais profissionais da construção civil devem seguir cuidados na hora do assentamento dos revestimentos cerâmicos. Assim considere as afirmações.

I)          O contra piso deve estar totalmente curado, limpo, nivelado, desempenado e, se necessário impermeabilizado.

II)         O tardoz (lado inferior) da peça cerâmica deve estar com no mínimo 90 % (por cento) da sua área preenchido com argamassa.

III)        Peças cerâmicas, pisos, azulejos ou porcelanatos que tenham acima de 900 centímetros quadrados de área devem obrigatoriamente ser aplicadas com a técnica chamada de dupla colagem.

IV)       A falta de argamassa colando as peças ao contrapiso podem gerar transtornos aos clientes, pois é uma situação em que as peças podem trincar com o passar do tempo.

V)        Quando o rejunte é mal aplicado, mal especificado, usados incorretamente, vários problemas podem ocorrer: corrosão química; elevada porosidade superficial, provocando infiltrações lentas; baixa resistência mecânica, ficando muito friável quando raspado com ferramenta pontiaguda. Devido à infiltração de produtos potencialmente agressivos e água, pode ocorrer deterioração (corrosão) da argamassa de assentamento e manchas de umidade em alguns revestimentos. Ausência de rejunte, falhas e trincas também são causas de manchas de umidade, já que são pontos passíveis de infiltração de água.

 

Quanto às afirmações acima:


Todas as afirmações estão corretas.


Apenas a afirmação IV está correta;


Apenas a afirmação II está correta;


Apenas a afirmação III está correta;


As afirmações I e V estão corretas;

(Cód. de Cadastro 15998.00028)Conforme Bauer (2011), a cal hidratada é um produto manufaturado que sofre um processo de hidratação. Este material vem em forma de pó seco de cor branca. Com base nisso, considere as afirmativas a seguir sobre a cal hidratada:

I) A cal hidratada endurece em contato com o ar por recarbonatação dos óxidos, ao absorver O2 (Oxigênio) do ar.
II) A hidratação da cal virgem é uma reação fortemente exotérmica.
III) A cal virgem possui propriedade aglutinante.
IV) "Queima do Cal" é um termo bastante usado nos canteiros de obra onde se molha o cal formando hidróxido de cálcio e liberado até 100° de calor.

Após a análise, quais afirmativas podemos afirmar que são corretas?

I e III
II, III e IV
Apenas a afirmativa III
I e IV
II e IV

Aglomerante de origem mineral é um produto com constituintes minerais que, para sua aplicação, se apresenta sob forma pulverulenta e que na presença da água forma uma pasta com propriedades aglutinantes, segundo a terminologia da norma NBR. Sobre os aglomerantes minerais, considere as afirmações abaixo.

I) Cal é o nome genérico de um aglomerante simples, resultante da calcinação de rochas calcárias, que se apresentam sob diversas variedades, com características resultantes da natureza da matéria prima empregada e do processamento conduzido. A calcinação da rocha calcária pura resulta na produção do óxido de cálcio puro.

II) Como requisitos principais de um aglomerante mineral podemos citar, tenacidade, trabalhabilidade, resistência mecânica e durabilidade.


III)Os principais materiais aglomerantes utilizados na construção civil são a cal, o gesso e o cimento. 


IV) Gesso é o termo genérico de uma família de aglomerantes simples, constituídos basicamente de sulfatos mais ou menos hidratados e anidros de cálcio. São obtidos pela calcinação da gipsita natural, constituída de sulfato desidratado de cálcio geralmente acompanhado de certa proporção de impurezas, como sílica, alumina, óxido de ferro, carbonatos de cálcio e magnésio. O gesso misturado com água começa a endurecer em razão da formação de uma malha imbricada, de finos cristais de sulfato hidratado.

V) De um modo geral, os aglomerantes usuais utilizados em construção tem comportamento satisfatório em meios ácidos, não resistindo, porém, ao ataque de meios alcalinos. Alguns aglomerantes são considerados especiais, como o Cimento Sorel, Furan, Cimentos Fenólicos, Resinas Epóxi e Enxofre. O enxofre fundido é utilizado satisfatoriamente como aglomerante resistente a ácido. A resina Epóxi, também deriva do fenol e tem excepcionais propriedades de adesão, sendo também utilizadas para reparações de concretos danificados.

Em relação às afirmações acima:


As afirmações I, II, III e IV estão corretas.


As afirmações II e V estão corretas.


Apenas a afirmação I está correta.


Todas as afirmações estão corretas.


As afirmações III e IV estão corretas.

Segundo Van Vlack, em seu livro “Princípio de ciências e tecnologias dos materiais”, um dos materiais que o engenheiro usa é o material metálico. Assim sendo, considere as afirmações a seguir.

I) Materiais metálicos: são combinações de elementos metálicos.

II) Tem um grande número de elétrons não localizados – não “amarrados” aos átomos.

III)São bons condutores de calor e eletricidade, porem existe uma gama grande de matérias metálicos de baixa condutividade térmica e elétrica a exemplo, o Titânio.

IV) Maleabilidade é a capacidade que os metais têm de produzir lâminas, chapas, barras e fios, quando mais dúctil for o metal, menor espessura se consegue chegar.

V) No geral são fortes, podem ser deformáveis ou não, em temperaturas ambientes normais, se encontra no estado sólido com exceção do mercúrio. 

 

Pode-se dizer então que:


As afirmações II e III estão corretas


As afirmações II e V estão corretas


Todas as afirmações estão corretas 


As afirmações I e IV estão corretas


As afirmações I e V estão corretas

Ferro (deriva do latim ferrum) é bastante utilizado pelo homem em todo o mundo, sendo pouco provável que haja pessoas, no mundo civilizado, que não conheçam ao menos um objeto que contenha ferro em sua constituição, pois esse metal tem importante papel no desenvolvimento da sociedade. Esse metal já é utilizado há milhares de anos, pois foram identificados artefatos de ferro produzidos em torno de 4000 a 3500 a.C. (MEDEIROS, 2010). Assim, considere sobre as composições químicas deste minério.

I) Siderita (FeCO3), cor cinza com matizes amarelas, contém 30 a 42% de ferro.

II) Magnetita (Fe3O4), cor preta, contém 45 a 70% de ferro.

III) Hematita (Fe2O3), cor vermelho escuro, contém 50 a 60% de ferro.

IV) Limonita (2Fe2O3 – 3H2O), cor parda, 20 a 60% de ferro.

V) Pirita (FeS2), que é minério de enxofre, onde o ferro é subproduto.

Quanto às afirmações acima:


As afirmações II, III, V estão corretas;


Todas as afirmações estão corretas. 


As afirmações I e II estão corretas;


As afirmações I, III e IV estão corretas;


As afirmações II e IV estão corretas;

De acordo com os apontamentos do livro texto da disciplina de Materiais de Construção I, o que se pode considerar sobre uma das principais propriedades do concreto.

I)      Consistência é a maior ou menor facilidade da argamassa deformar-se sob ação de cargas.

II)     Em função de sua consistência, o concreto é classificado em seco ou úmido, que é quando a relação água/materiais secos é baixa, entre 6 e 8%.

III)    Em função de sua consistência, o concreto é classificado em plástico, que é quando a relação água/materiais secos é maior que 8 e menor que 11%.

IV)  Em função de sua consistência, o concreto é classificado em fluido, que é quando a relação água/materiais secos é alta, entre 11 e 14%.

V)   Um concreto de consistência plástica pode oferecer, segundo o grau de sua variabilidade, maior ou menor facilidade para ser moldado e deslizar entre os ferros da armadura, sem que ocorra separação de seus componentes. São os mais usados nas obras em geral.

 

Em relação às afirmações acima:


Todas as afirmações estão corretas. 


As afirmações II e III estão corretas.


As afirmações III, IV e V estão corretas.


As afirmações I e II, III e IV estão corretas.


Apenas a afirmação I está correta.

A durabilidade pode ser definida como sendo a capacidade que o concreto possui de resistir à ação do tempo, aos ataques químicos, à abrasão ou a qualquer outra ação de deterioração. Considere as afirmações sobre durabilidade e impermeabilidade.

I) A durabilidade depende, entretanto, do tipo de ataque, físico ou químico, que o concreto, depois de endurecido, será submetido, devendo ser analisado criteriosamente antes da escolha dos materiais e da dosagem.

II)  A durabilidade está diretamente ligada à impermeabilidade do concreto, pois quanto maior a absorção de água, maior a porosidade, ficando mais fácil da água penetrar e atacar o concreto e sua armação metálica, provocando corrosão e deteorização da pasta dos agregados, comprometendo assim a qualidade do concreto.

III) A impermeabilidade do concreto está relacionada com a durabilidade. Um concreto impermeável impede o acesso de agentes agressivos.

IV) A relação água/cimento, neste caso, define a estrutura da pasta. Quanto menor essa relação, mais próximos uns dos outros estarão os grãos de cimento e menor, portanto, será a porosidade da pasta.

V) que a impermeabilidade do concreto aumenta, também, com a redução da relação água/cimento e com a evolução da hidratação, ou seja, com a idade do concreto.

 

Em relação às afirmações acima:

 


As afirmações IV e V estão corretas.


Apenas a afirmação II está correta.


Todas as afirmações estão corretas.


Apenas a afirmação I está correta.


As afirmações III e V estão corretas.

Páginas: 12