ELABORAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS


O Ativo Intangível são os bens incorpóreos (abstratos) destinados à manutenção da empresa, e que trarão benefícios futuros. Os tangíveis são bens corpóreos apresentam uma compreensão mais objetiva e concreta por parte do mercado.

Assinale a alternativa que contenha apenas exemplos de Ativo Intangível:


Gastos pré-operacionais com pesquisa e desenvolvimento.
Gastos com a Administração e com projetos.
Marcas e Patentes Comerciais.
Gastos com assessorias contábil e jurídica.
Gastos financeiros com a Administração e organização.

A DVA procura demonstrar a parcela de contribuição da entidade na formação do Produto Interno Bruto (PIB), bem como o valor agregado aos insumos adquiridos pela entidade e que são vendidos ou consumidos. O cálculo do valor adicionado possui diferença entre os modelos contábil e econômico, ou seja, para cálculo do PIB, enquanto a economia se baseia na produção, a contabilidade evidencia a realização da receita com base no regime de competência. 

Com base nesses conceitos e no que estudamos sobre DVA, sobre a riqueza e sua distribuição, assinale a alternativa INCORRETA:


Existe também a determinação dos insumos utilizados para gerar a receita, onde deve ser considerado o valor das mercadorias mais as despesas com contratação de serviços de terceiros e materiais diversos.
O conceito para o cálculo do valor dos insumos consiste em somar ao CMV materiais diversos e todas as despesas que não sejam pagamentos diretos ou indiretos aos empregados, nem impostos ou remuneração por utilização de um Ativo de terceiros (aluguéis).
O valor adicionado gerado é a diferença entre a receita gerada e os insumos utilizados para produzir a receita.
As normas e diretrizes determinam que a DVA apresente a distribuição do valor adicionado para apenas três grupos de pessoas: empregados, governos e sócios.
A receita bruta na DVA é o valor que a empresa fatura incluindo todos os impostos de venda (IPI, ICMS, PIS e COFINS), deduzindo as devoluções, abatimentos, a Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa (PCLD) e perdas de Capital, somando a eventual reversão de PCLD e ganhos de Capital.

A DOAR – Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos é tecnicamente uma movimentação líquida de entradas (origens) e de saídas (aplicações) de recursos. Em outras palavras a origem é toda operação que aumenta  e a aplicação que reduz o CCL - Capital Circulante Líquido.

Dessa forma, assinale a alternativa correta que modifica para mais (aumento) a origem de recursos evidenciadas na DOAR.


Pagamento a Fornecedores
Desconto de duplicatas
Venda de bens de uso a vista
Compra de mercadoria a prazo
Venda de mercadorias a prazo

Assinale a alternativa que completa corretamente a sentença abaixo:

" A Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido..."


Está contida na DLPA.
Contém a DRE.
É obrigatória para todas as empresas.
Contém a DLPA.
É facultativa para todas as empresas.

A Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido (DMPL) retrata a movimentação ocorrida nas contas do Patrimônio Líquido, por exemplo, Capital/Reservas de Capital/Reservas de Lucros/Ajustes de Avaliação Patrimonial, dentre outras.

Pede-se:

Uma determinada empresa apresentou um lucro líquido do exercício do exercício para um determinado período. A fim de atender à legislação, ela propõe a destinação do lucro líquido do exercício da seguinte forma:

a.    Aumento de Capital Social

b.    Proposta para futuro aumento de Capital Social

c.    Reserva Legal de acordo com a legislação em vigor

Com base nestas informações, marque a alternativa que indique o lançamento contábil correto:


D-Lucros Acumulados   C-Reserva Legal  C-Capital Social  C-Reserva para Futuro Aumento de Capital
D-Reserva Legal  C-Capital Social  C-Capital Nominal  C-Reserva para Futuro Aumento de Capital
D-Caixa/Bancos  C-Reserva Legal  C-Capital Social  C-Reserva para Futuro Aumento de Capital
D-Capital Social  C-Lucros Acumulados  C-Reserva Legal  C-Reserva para Futuro Aumento de Capital
D-Caixa/Bancos  C-Capital Social  C-Reserva para Contingências  C-Reserva para Futuro Aumento de Capital

Os Ajustes de Exercícios Anteriores são um componente evidenciado na DLPA – Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados  e que ocorrem em virtude de certos princípios contábeis básicos. 

Assinale a alternativa que indica corretamente os princípios contábeis que justificam a aplicação dos ajustes de exercícios anteriores.


Competência e Entidade
Competência e Conservadorismo
Competência e Materialidade
Competência e Consistência
Competência e Objetividade

Lucro Real é a regra geral para a apuração do Imposto de Renda (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) da pessoa jurídica. Neste regime, o imposto de renda é determinado a partir do lucro contábil, apurado pela pessoa jurídica, acrescido de ajustes (positivos e negativos) requeridos pela legislação fiscal

Marque a alternativa correta:

Lucro Real significa:


Lucro líquido.
Lucro financeiro.
Lucro tributável.
Lucro verdadeiro.
Lucro econômico.

A formula para calcular o CPV é: CPV = EI + In + MO + GGF – EF onde:

CPV = Custo dos Produtos Vendidos

EI = Estoque Inicial

In = Insumos (matérias primas, materiais de embalagem e outros materiais) aplicados nos produtos vendidos

MO = Mão de Obra Direta aplicada nos produtos vendidos

GGF = Gastos Gerais de Fabricação (aluguéis, energia, depreciações, mão de obra indireta, etc.) aplicada nos produtos vendidos

EF = Estoque Final (inventário final)

O CPV é o Custo do Produto Vendido para:


Bancos
Indústria
Entidades filantrópicas
Prestadores de serviço
Empresas comerciais

A Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados identifica os lucros acumulados ou não distribuídos para os proprietários ou não definidos para quais reservas são destinadas. Dentro do grupo Patrimônio Líquido, encontramos a conta Lucros Acumulados ou Prejuízos Acumulados. Podemos identificar também na Demonstração do Resultado do Exercício o lucro líquido ou prejuízo do exercício.

Desta forma assinale a resposta correta:

A Demonstração do Lucro ou Prejuízo Acumulado representa a interligação entre:


A Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido e a Demonstração do Resultado do Exercício
A Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados e a Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido
A Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos e o Balanço Patrimonial
A demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial
A Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados e o Balanço Patrimonial

O balanço social, pelas informações que apresenta, evidencia significativo diferencial para a imagem da empresa e isto é cada vez mais valorizado por investidores e consumidores - tanto no Brasil quanto no mundo. 

Desta forma, analise as alternativas a seguir e assinale a INCORRETA:


O balanço social é uma ferramenta de medição e divulgação da responsabilidade e do acompanhamento social, pois sendo utilizado como instrumento de gestão de negócio, agrega valores à empresa e certamente amplia o exercício da cidadania.
Esse instrumento traça um paralelo entre os consumidores e os fabricantes que produzem os mais diversos itens de consumo, com menor risco à saúde e à segurança, procurando agregar valores com o envolvimento dos consumidores até nos riscos do meio ambiente.
Não são necessários muitos esforços para entender a importância da entidade empresarial elaborar e divulgar o balanço social, tendo em vista que todos se beneficiam de tal ato.
O “avanço” desse balanço permite às empresas prestar contas apenas aos proprietários e gestores de como é o seu processo de industrialização, seu relacionamento na comercialização e na prestação de serviço, durante e no pós-venda e maior rigor com o tratamento de resíduos para que o meio ambiente não seja atingido. Afinal, o objetivo da contabilidade é gerar informações para auxiliar na tomada de decisões, e esse é um dos papéis do balanço patrimonial.
Considerando os efeitos da globalização, este tipo de informação é de suma importância, pois o comércio internacional movimenta milhares de tipos de mercadorias e isso requer ética e transparência na movimentação de todas estas mercadorias, demonstrando publicamente a periculosidade e os riscos a que os consumidores estão possivelmente expostos.
Páginas: 1234