CIDADANIA, HETEROGENEIDADE E DIVERSIDADE


Leia o trecho seguinte que reflete sobre o que realmente importa na formação da consciência ambiental:

Devemos trabalhar sempre os seguintes conceitos: a consciência pessoal visando à responsabilidade particular para com o Meio ambiente; a observação detalhada; a organização; a análise; a comunicação; o uso da imaginação e da criatividade; o estabelecimento da segurança e da autonomia na aprendizagem, promovendo uma visão integrada do mundo em que vivemos. (CURRIE, K. Meio Ambiente: Interdisciplinaridade na prática. Campinas-SP, Papirus, 2000. , p. 36).

Sobre o tema educação ambiental, assinale V para as afirmativas Verdadeiras e F para as falsas:

(  ) Nosso paradigma de vida social é, de certa forma, autodestrutivo, na medida em que o consumo desenfreado acaba angariando prejuízos graves para vida no planeta (a curto, médio e longo prazo).

(  ) Para resolver o drama ambiental de nosso tempo, é preciso repensar nosso sistema produtivo e, consequentemente, a nossa sede de consumo.

(  ) Mais do que desenvolver técnicas de aproveitamento de resíduos, precisamos produzir menos lixo, reavaliando, para tanto, nossos padrões de educação ambiental nas escolas (com nossos futuros adultos).

Assim sendo, está correta a alternativa:


F; F; F


V; V; V


V; F; V


F; V; F


V; V; F

Os desafios sociais propostos pelo mundo contemporâneo exigem profissionais competentes na manutenção de um clima harmônico entre os membros que integram a sua equipe de trabalho. Por isso, dominar conhecimentos relativos aos direitos e deveres de um cidadão é de vital importância. Constitui a pauta de elementos fundamentais para formação de qualquer profissional os temas pertinentes ao estudo da Cidadania. A Cidadania nas relações etnico-raciais; nas relações de gênero; no convívio com a Terceira Idade; na interação com o deficiente físico... Enfim, a Cidadania nas práticas sociais como um todo.

Considerando a importância desse tópico, assinale a alternativa que defina com exatidão o que vem a ser o conceito-chave Cidadania.


É a condição dos indivíduos que, sendo membros de um Estado soberano, gozam de direitos que lhes permitem participar da vida política. 


Condição dos indivíduos que já contribuíram para a ordem social, servindo ao Estado brasileiro através do serviço militar obrigatório.


Condição de indivíduos que pertencem a um grupo restrito de pessoas que tiveram acesso à escolaridade completa (Educação básica, média e superior).


Condição de indivíduos que tenham como antepassados (até a 5ª geração) brasileiros legítimos e participantes do processo de constituição da nação.


É a condição de qualquer pessoa que contribua com altos valores monetários para o desenvolvimento da nação.

Leia com atenção a seguinte afirmação sobre a temática “direitos dos Homens” em nosso país:

E possível dizer que no Brasil desenvolveram-se formas de sociabilidade diversas, nas quais a afirmação do igualitarismo das Luzes e dos Direitos dos Homens pode existir de maneira difusa por causa da ausência da noção de direitos dos cidadãos. (SCHWARCZ, Lilia Moritz. Espetáculo da miscigenação. In: Estudos Avançados, São Paulo, vol 8, n. 20, abr. 1994.)

Refletindo sobre a presença civilizatória do Brasil no mundo globalizado e contemporâneo e nos elementos que caracterizam os Direitos Universais do Homem, assinale, apenas, as afirmativas verdadeiras.

I – Aquilo que se costuma denominar sociabilidade é, fundamentalmente, a capacidade de viver em sociedade, de conviver.

II - A vida social exige a organização de instituições e leis que possam reger a convivência entre os indivíduos.

III – É impossível estabelecer critérios para Direitos Universais do Homem, visto que, cada sociedade, é dotada de cultura (as artes, ciências, costumes, sistemas, leis, religião, crenças, esportes, mitos, valores morais e éticos, comportamento, preferências, invenções), ou seja, formas de ser peculiares.

IV - O indivíduo deve reagir sempre contra as normas impostas, principalmente aquelas que visem estabelecer os Direitos Universais do Homem e a valorização da cultura alheia.

V - A globalização, enquanto imposição de um único modelo civilizatório, também, tem favorecido a intolerância e o desrespeito generalizado pela cultura do outro e pelos Direitos Universais do Homem.

É possível afirmar que estão corretas:


IV e V apenas


I e II apenas


I, II, III, IV e V


I, II e III apenas           


II e III apenas

Leia o trecho seguinte:

E possível dizer que no Brasil desenvolveram-se formas de sociabilidade diversas, nas quais a afirmação do igualitarismo das Luzes e dos Direitos dos Homens pode existir de maneira difusa por causa da ausência da noção de direitos dos cidadãos. (SCHWARCZ, Lilia Moritz. Espetáculo da miscigenação. In: Estudos Avançados, São Paulo, vol 8, n. 20, abr. 1994.)

A expressão “igualitarismo das luzes” e os “Direitos dos Homens” remetem às especificidades (características mais marcantes; valores e crenças sociais) de um dado período da História humana. A que nos referimos? Assinale a alternativa correta:


Idade Média


Idade da pedra


Idade do Bronze


Idade Antiga


Idade Moderna

Leia com atenção:

Art. 2º Considera-se deficiência toda restrição física, intelectual ou sensorial, de natureza permanente ou transitória, que limita a capacidade de exercer uma ou mais atividades essenciais da vida diária e/ou atividades remuneradas, causada ou agravada pelo ambiente econômico e social, dificultando sua inclusão social. (BRASIL. Estatuto da Pessoa com Deficiência. Lei Brasileira de Inclusão nº 13.146/2015. Brasília. 2015.)

Dentro dessa conceituação, podemos apontar como deficiente físico, apenas: (Assinale a alternativa correta)


Canhoto


Cadeirante


Gestante


Criança


Idoso

Leia com atenção:

"...nos espaços dessa malha, persistem os conflitos cuja complexidade é proporcional à complexidade da natureza de homens e mulheres. Desta forma coloca-se a questão: por que existem conflitos no trânsito? Parece que uma possível resposta a essa constatação está associada ao uso do carro como a extensão da casa do motorista, como se evidencia a seguir, gerando consequências significativas na configuração dos referidos conflitos." (HOFFMANN, Maria Helena e CRUZ, Roberto Moraes (orgs). Comportamento Humano no Trânsito. São Paulo: Casa do psicólogo, 2011.)

Marque V para verdadeiro e F para falso no que concerne ao motorista brasileiro e sua relação com o seu automóvel:

(  ) Referindo-se ao uso do carro como escritório, 62% afirmam que aproveitam enquanto estão estacionados para fazer anotações;

(  ) 80% se preocupam com o conforto e 95% consideram seu carro um lugar seguro;

(  ) 49% se identificam com o carro e não gostam quando alguém faz alguma alteração nele;

(  ) Chegam afirmar, até mesmo, que o carro tem a "sua" cara, escolhem a sua placa e o consideram como a sua 2ª casa.

Assinale a sequência correta:


F; F; F; F


F; F; V; V


V; V; V; V


F; V; F; V


V; F; V; F

Leia atentamente:

"A personalidade não muda quando nos sentamos diante do volante do carro. O que pode acontecer é que certos traços que normalmente são controlados na nossa convivência com os outros, comecem a se manifestar mais abertamente. [...] Normalmente pode-se dizer que o homem dirige assim como vive” (HOFFMANN, Maria Helena e CRUZ, Roberto Moraes (orgs). Comportamento Humano no Trânsito. São Paulo: Casa do psicólogo, 2011.)

Dentre os ditos “traços”, normalmente controlados, mas manifestados no trânsito, podemos destacar uma das seguintes alternativas. Assinale a alternativa correta: 


a preocupação ostensiva com o bem do outro, com sua integridade física e psicológica, e que só se manifesta no trânsito.


a cautela e a prudência que só afloram em situações que imprimem a noção de medo ao ser humano.


o desejo de ser o melhor, ser mais corajoso, querer mostrar que se é capaz de arriscar sem incorrer em acidentes.


a vontade incontida de assassinar, deliberadamente, não se importando com o fato de não haver motivo algum para isso.


o desejo de morrer, custe o que custar, para se livrar das pressões sociais que chegam de todos os ambientes de convivência.

Dentre as alternativas seguintes assinale aquela que possa ser caracterizada como uma violência contra a mulher prevista na Lei Maria da Penha.


Venda de drogas ilícitas para jovens entre 15 e 30 anos. 


Dano moral, patrimonial e físico no âmbito da unidade doméstica.


Qualquer furto praticado contra mulher que esteja desacompanhada.


Preferência dos pais pelo filho homem sem que a preferência seja disfarçada. 


Formas de rejeição afetiva em que a mulher se sinta abandonada pelo parceiro.

O que se denomina Medidas “Protetivas de Urgência que Obrigam o Agressor” no texto da Lei Maria da Penha? Marque V para a afirmativa verdadeira e F para a falsa:

(  ) suspensão da posse ou restrição do porte de armas, com comunicação ao órgão competente e afastamento do lar, domicílio ou local de convivência com a ofendida;

(  ) aproximação da ofendida, de seus familiares e das testemunhas, fixando o limite mínimo de distância entre estes e o agressor e contato com a ofendida, seus familiares e testemunhas por qualquer meio de comunicação;

(  ) restrição ou suspensão de visitas aos dependentes menores, ouvida a equipe de atendimento multidisciplinar ou serviço similar e prestação de alimentos provisionais ou provisórios.


V; F; F


V; V; V


F; F; F


F; V; F; 


F; F; V

Após a leitura do texto indicado e de assistir a videoaula proposta, disponibilizados no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), reflita sobre as afirmações seguintes, escolhendo a alternativa correta.

I – As desigualdades em nosso país estão presentes desde a colonização e apresentam-se nos campos econômico, racial, de orientação sexual e de gênero, entre outros e se mostram diferentes inclusive em relação às regiões do país;

II – A participação política e a dignidade humana podem ser vistos como pressupostos da cidadania democrática, que pode ser exercida por meio de ações que demonstram a participação do povo no exercício de seus direitos e deveres junto ao Estado.

III – Os problemas raciais não estarão resolvidos pelo fato de termos direito à liberdade de expressão e pensamento, o direito ao voto e participação política. A cidadania ativa vem aprimorar o processo de participação popular.

IV – Pessoas e grupos sociais buscam liberdade dentro dos espaços públicos para que possam coexistir em harmonia vivenciando a diversidade de forma real.

V – A visão de que as diferenças entre grupos étnico-culturais não têm nada a ver com inferioridade ou superioridade dos mesmos deverá ser cultivada no ambiente escolar, comprometido com a construção de uma metodologia antirracista.


Todas as afirmações estão corretas.


Somente as afirmações II e III estão corretas.


Somente as afirmações I e II estão corretas.


Somente as afirmações IV e V estão corretas.


Somente as afirmações III e IV estão corretas.