PROJETO DE INFRAESTRUTURA URBANA


O consumo per capita de água potável é composto por vários fatores. Dentre eles, aquele que  tem ligação com o odor e o sabor (potabilidade) da água é:


As condições climáticas
A rede de esgoto
O tamanho da cidade
O custo da água
A qualidade da água

Algumas diretrizes gerais estabelecidas na Lei nº 10.257/2001, conhecida como  Estatuto da Cidade, são:

I) garantir o pleno desenvolvimento das funções sociais da cidade e da propriedade urbana.

II) reunir importantes instrumentos urbanísticos, tributários e jurídicos que possam garantir efetividade ao Plano Diretor.

III) reunir normas relativas a ação do poder público na regulamentação do uso da propriedade urbana em prol do interesse público, da segurança e do bem estar dos cidadãos.

IV) A justiça social na propriedade buscando prevalecer o interesse privado.

 

 

 

 Estão corretas:

 


II e IV, somente.
I e II , somente.
I, II e IV.
II e III, somente
I, II e III.

Assinale os itens a serem considerados na execução de traçados urbanos:

 

I)  Definição de avenidas, ruas e caminhos para pedestres.

II)  Implantação de equipamentos públicos e mobiliário urbano.

III)  Delimitação das áreas de preservação ecológica e corpos d’água.

IV)  Malhas urbanas fechadas, semi-abertas e abertas.

V)  Traçados e desenhos diferentes conforme a topografia.

 

Estão corretas:


As afirmativas III e V.
As afirmativas II e IV.
As afirmativas I e II.
As afirmativas II, III e IV.
As afirmativas I,  IV e V.

Como se define infraestrutura urbana:

 


a forma em que diversas áreas urbanas se interrelacionam
sistemas de equipamentos e serviços que relacionam as áreas urbanas para o seu funcionamento e desenvolvimento
a correlação entre as áreas urbanas como indústrias, shopping centers, loteamentos , conjuntos habitacionais e parques.
equipamentos e serviços independentes que se limitam aos limites da cidade
um conjunto de sistemas ligados por vias de transporte

São fatores que devem ser levados em consideração em se tratando do projeto do subsistema viário, exceto:


Propiciamento das melhores condições técnicas e econômicas para a implantação dos equipamentos necessários aos outros subsistemas de infraestrutura urbana.
A expansão da superfície viária e seu desenvolvimento em quantidade necessária para promover cruzamentos arteriais próximos uns aos outros.
Os deslocamentos fáceis e rápidos, obtidos com percursos os mais diretos possíveis, entre os locais de habitação e os de trabalho e recreação, e com comunicações imediatas do centro com os bairros e destes entre si.
A constituição racional dos quarteirões, praças e logradouros públicos.
A conjugação, sem conflitos ou interferências anti-funcionais da circulação interna com a do subsistema viário regional e interurbano.

O Plano Diretor Municipal:


Deve ser elaborado por todos os municípios.
É um documento administrativo que pretende resolver todos os problemas locais.
Deve integrar-se ao plano plurianual, às diretrizes orçamentárias (LDO) e ao orçamento anual (LOA).
Não necessita de aprovação por lei municipal, uma vez que faz parte das políticas de desenvolvimento e expansão urbana
A participação da população é opcional e pode acontecer de maneiras distintas.

Em se tratando de projeto em Engenharia Sanitária, as estimativas de vazão e população são importantes e problemáticas devido à necessidade de tratamento matemático dos dados que, muitas vezes, são aleatórios.

Alguns métodos de estimativa de população foram estudados com o objetivo de amenizar erros e evitar obras complementares. O método em que presume-se que a cidade está desenvolvendo em uma seqüência numérica em que cada termo, a partir do segundo, é igual ao produto do termo anterior por uma constante, chamada razão, é:


O método da curva logística
A comparação gráfica entre cidades similares
A progressão multiplicativa
A progressão geométrica
A progressão aritmética

No tocante ao subsistema de abastecimento de água, assinale a opção correta.


Recalque é a técnica que compreende o conjunto de edifícios, máquinas e demais aparelhos necessários para a elevação de água de um ponto para o outro. Os sistemas de recalque são muito utilizados atualmente, seja para captar água de mananciais ou para reforçar a capacidade das adutoras.
Reservação é uma parte do sistema dispendiosa e deverá compreender processos imprescindíveis à obtenção da qualidade desejada, a custos mínimos.
O processo de adução consiste em um conjunto de estruturas e dispositivos construídos junto a um manancial. Os mananciais utilizados para o abastecimento podem ser as águas superficiais ou subterrâneas.
O processo de captação é constituído pelo conjunto de peças especiais e obras de arte destinado a ligar as fontes de água bruta às estações de tratamento, e estes aos reservatórios de distribuição.
Tratamento é a parte do sistema que tem como principais finalidades melhorar as condições de pressão da água na rede de distribuição e fornecer água em casos de interrupção da adução.

A infiltração de água de chuva no solo é extremamente importante no controle da drenagem urbana. O processo de urbanização contribui com a impermeabilização do solo e, por consequência, com a redução da capacidade de infiltração de água pluvial. 


Parques, campos de esportes e reservas florestais urbanas possuem taxa de infiltração entre 20 e 50%.
A maioria das cidades usa pavimentos veiculares parcialmente permeáveis para promover uma maior absorção das águas da chuva.
Áreas urbanas centrais com pátios, ruas e calçadas possuem taxa de infiltração entre 10 e 30%.
Pavimentos permeáveis são amplamente utilizados no Brasil, já sendo obrigatórios por diversas prefeituras de cidades que sofrem com enchentes.
Pavimentação de pátios com pavimentos permeáveis reduzem as enchentes periódicas e altas temperaturas e embelezam a zona urbana.

      Marque a afirmativa correta quanto a alguns dos pontos fixados na Lei nº 9.785/1999 – que trata das  inovações no parcelamento do solo urbano:


O parcelamento do solo para fins urbanos é permitido em áreas agrícolas fora dos limites urbanos.
A urbanização de assentos irregulares significa a total remoção de  todos os moradores de locais como favelas e a construção de infraestrutura e moradias em uma nova área periférica.
A urbanização de assentos irregulares implica no planejamento e aprovação do governo federal para executá-la.
O parcelamento do solo para fins urbanos é permitido em áreas de preservação permanente, desde que se encontrem nos limites urbanos.
Um ponto de inovação no parcelamento do solo urbano é a recuperação de centros deteriorados e urbanização de assentos irregulares.
Páginas: 1234