LINGUÍSTICA I


De acordo com o que você estudou sobre as linguagens verbal e não verbal, marque V (verdadeiro)  ou F (falso) nas afirmativas a seguir.

(    ) A linguagem verbal utiliza qualquer código para se expressar, enquanto a linguagem não verbal faz uso apenas da língua escrita.

(    ) São utilizadas para criar atos de comunicação que nos permitem dizer algo.

(     ) A linguagem não verbal é aquela que utiliza qualquer código que não seja a palavra, enquanto a linguagem verbal utiliza a língua, seja oral ou escrita, para estabelecer comunicação.

(   ) Linguagem verbal e não verbal, quando simultâneas, colaboram para o entendimento do texto.

A sequência correta é: 


F,V,V,V
V,V,F,V
F,V,F,V
F,F,V,V
V,V,V,V

Recorde o que estudou sobre intertexto e intertextualidade, observe as assertivas abaixo, perceba quais podem ser consideradas reflexões corretas sobre os temas e coloque V (de verdadeira) diante delas. Já, diante das que não podem ser consideradas conclusões do estudado neste capítulo, coloque um F (de falsas). A seguir, escolha a alternativa que coincida com sua sequência.          

 

I) (    ) é possível pensar que nenhum texto vem do nada; nenhum texto é produzido (no sentido de criador primeiro) pelo emissor. Este apenas faz uso de um texto já existente, acrescenta seu desejo para que se realize a comunicação.

II)  (    ) Como estudar a relação de um texto com outros textos produzidos, amplamente conhecido por todos? Tal intertextualidade pode ser analisada de forma explicita ou implícita, conforme a intenção do autor em omitir ou declarar créditos.

III)  (       ) As expressões •Não confunda "bife à milanesa" com "bife ali na mesa", •Não confunda "conhaque de alcatrão" com "catraca de canhão", •Não confunda "força da opinião pública" com "opinião da força pública", são exemplos divertidos de intertextualidade.

IV) (       ) Observe o poema: Receita de herói: Tome-se um homem feito de nada/ Como nós em tamanho natural/ Embeba-se lhe a carne/ Lentamente/ De uma certeza aguda, irracional/ Intensa como o ódio ou como a fome./ Depois perto do fim/ Agite-se um pendão/ E toque-se um clarim/ Serve-se morto. (Reinaldo Ferreira em "Portos de Passagem" - João Wanderley Geraldi, São Paulo: Martins Fontes, 1991). Pode-se com segurança afirmar que se trata de uma intertextualidade indireta. 


Apenas as assertivas I e IV são verdadeiras.
Apenas as assertivas I, III, e  IV são falsas.
Apenas as assertivas I, II, e IV são falsas
 Todas as assertivas são verdadeiras.
Todas as assertivas são falsas.

Observe um trecho do poema “A pesca” de Affonso Romano de Sant’Anna:

 

A Pesca

         Affonso Romano de Sant’Anna

 

O anil

O anzol

O azul

 

O silêncio

O tempo

O peixe

 

A agulha

Vertical

Mergulha [...]

 

(SANT’ANNA. Affonso Romano de. A pesca. Disponível em:. Acesso em: 16 jul. 2018.)

 

Em relação ao poema, pode-se afirmar que seu sentido é estabelecido

 


pela aliteração, fundamental como constituidora de coerência.
pelos conectivos evidentes entre uma estrofe e outra.
pelas rimas ricas evidenciadas entre um verso e outro.
pelas incoerências de raciocínio discrepante.
pelos referentes extralinguísticos, sobretudo.

Analise as afirmativas a seguir.

I – A palavra texto  não se refere necessariamente à possibilidade de construção de sentido.

II – O conceito de texto está intimamente relacionado com a produção de sentido; é uma unidade significativa.

III – A determinação de sentido do texto depende de fatores linguísticos e extralinguísticos.

De acordo com o que você estudou sobre os conceitos de texto, assinale a opção cuja sequência esteja correta.


Estão corretas as afirmativas I e III.
Estão corretas as afirmativas I e II.
Está correta apenas a afirmativa III. 
Estão corretas as afirmativas II, e III.
Estão corretas as afirmativas I, II e III.

O emprego do pronome “onde” é um recurso importante para garantir a coerência sintática da oração. Identifique nas orações a seguir aquela em que o pronome onde foi empregado de forma incorreta, tornando a frase incoerente.


Onde você vai depois da aula?


Onde você mora?


Eu não sei onde deixei os meus livros. 


Os alunos fizeram uma visita ao parque ecológico,  onde puderam pesquisar várias espécies da flora brasileira.


O turista não sabe onde fica a Lagoa da Pampulha.

Na imagem apresentada, o sentido da palavra escrita é reforçada pelas imagens, próprias da linguagem não verbal. A disposição das letras em balões separados contribui para expressar principalmente a ideia da(o):


desencontro de pensamentos sobre um assunto.


Estranhamento entre as pessoas.


dificuldade de vínculo entre as pessoas.


Precipitação das relações no mundo moderno.


Negação das possibilidades de diálogo.

A neurolinguística preocupa-se com a elaboração cerebral da linguagem, isto é, interessa-se pelos mecanismos do cérebro humano que permitem a compreensão e a produção da língua. Sobre esta ciência é correto afirmar, exceto:


Estudo do processamento normal e patológico da linguagem a partir de sínteses e modelos elaborados no campo da Linguística, da Neuropsicologia, da Psicolinguística, da Psicologia Cognitiva.


Estudo da repercussão dos estados semiológicos do desenvolvimento da linguagem, bem como das relações entre o normal e o patológico nas práticas linguístico-enunciativas.


Estudo dos processos que inscrevem linguagem e cognição  em um quadro relacional.


Estudo dos processos de significação (verbal e não verbal) levados em conta por sujeitos com afasia, demência, surdez, etc.


Discussão de aspectos teórico-metodológicos relacionados aos procedimentos avaliativos e condutas terapêuticas destinadas ao contexto das patologias de linguagem.

Leia o texto a seguir para responder à questão.

 

Hora do mergulho

Feche a porta, esqueça o barulho
feche os olhos, tome ar: é hora do mergulho

eu sou moço, seu moço, e o poço não é tão fundo
super-homem não supera a superfície
nós mortais viemos do fundo
eu sou velho, meu velho, tão velho quanto o mundo

eu quero paz:
uma trégua do lilás-neon-Las Vegas
profundidade: 20.000 léguas

"se queres paz, te prepara para a guerra"
"se não queres nada, descansa em paz"
"luz" - pediu o poeta
(últimas palavras, lucidez completa)
depois: silêncio

esqueça a luz... respire o fundo
eu sou um déspota esclarecido
nessa escura e profunda mediocracia.

(Engenheiros do Hawaii, composição de Humberto Gessinger)

 

A música  “Hora do mergulho” é uma composição de Humberto Gessinger. Nela, o autor faz referência a um provérbio latino: si uis pacem, para bellum que tem como tradução o verso: "se queres paz, te prepara para a guerra".

Nesse tipo de citação encontramos o seguinte recurso:


Referência e alusão


Tradução


Intertextualidade explícita


Intertextualidade implícita e explícita


Intertextualidade implícita

Assinale a frase correta quanto às normas gramaticais do português padrão, à coesão textual e à coerência.


Grande  parte das crianças  mora muito longe, vai à escola com fome, por isso ocorre o grande número de desistências.


O solo do Nordeste é muito seco e aparentemente árido, mesmo  quando caem as chuvas, imediatamente brota a vegetação.

 


Na região Sudeste já não chove há mais de três meses, apesar de que já se pense em racionamento de água e energia elétrica. 


Fazia muito frio, portanto mesmo assim fomos à praia.


CD: o presente que todos gostam.

Inferir é concluir por meio do raciocínio, a partir de fatos e indícios. Levantar hipóteses, analisar, comparar são passos que auxiliam no exercício de leitura e interpretação de textos.

O fragmento a seguir  foi retirado do poema “A ilusão do Migrante” de Carlos Drummond de Andrade. Leia-o com atenção para responder à questão.

 Quando vim da minha terra,

não vim, perdi-me no espaço,

na ilusão de ter saído.

Ai de mim, nunca saí.

 

Infere-se do texto que o autor:


Saiu de sua terra e voltou.


Tem a intenção de voltar logo para sua terra.


Saiu apenas fisicamente de sua terra.

 

 


Não se importou em sair de sua terra


Saiu obrigado de sua terra.

Páginas: 12345