FÍSICO-QUÍMICA II


O hidrogênio molecular pode ser obtido, industrialmente, pelo tratamento do metano com vapor de água. O processo envolve a seguinte reação endotérmica:

CH4 (g) + H2O (g)   =   CO (g) + 3 H2 (g)

Com relação ao sistema em equilíbrio, pode-se afirmar, corretamente, que:


A presença de um catalisador afeta a constante de equilíbrio.
O aumento da pressão aumenta a quantidade de CH4 (g).
O aumento da pressão diminui a quantidade de CH4 (g).
O aumento da concentração de H2(g) aumenta a velocidade direta.
A presença de um catalisador afeta a composição da mistura.

Um joalheiro, com pouco conhecimento de eletroquímica, produz uma jóia de prata, com alguns detalhes em níquel. Conhecendo as semi-reações de redução do níquel: Ni2+(aq) + 2 e-  = Ni0(s)  e da prata:  Ag+(aq) + 1 e- = Ag0(s) , assinale a alternativa que apresenta a variação de potencial padrão (ΔE) da pilha, o cátodo e o ânodo são, respectivamente: Dados: E0red Ag = +0,80 V;  E0red Ni = -0,24 V.


-1,04 V, níquel, prata.
+1,04 V, prata, níquel.
+0,56 V, prata, níquel.
+1,04 V, níquel, prata.
-0,56 V, prata, níquel.

Uma estrutura galvânica é montada utilizando eletrodos de estanho e de prata, mergulhados em soluções salinas, com as concentrações descritas abaixo. Determine a energia gerada por essa célula:

Sn(s)/Sn2+(aq)//Ag+(aq)/Ag(s)   [Sn2+] = 0,077 mol/L   [Ag+] = 0,55 mol/L EºSn  =  - 0,14 v EºAg = + 0,80 v

E = 0,554 V
E = 0,963 V
E = 1,253 V
E = 1,839 V
E = 0,940 V

Imagine uma cela galvânica formada por semi-celas de cobre e de zinco, mergulhados em soluções de sais de Cu2+ e Zn2+, respectivamente, cujos potenciais de redução são os seguintes:

Cu2+ + 2 e ----> Cu       E0 = + 0,34 V
Zn2+ + 2 e ----> Zn        E0 = – 0,76 V

É correto afirmar que:


O potencial padrão da cela é – 0,42 V.
Os elétrons no circuito externo fluirão do eletrodo de cobre para o eletrodo de zinco.
O eletrodo de cobre é o cátodo.
Os íons zinco são reduzidos a zinco metálico.
Quando o equilíbrio for atingido não haverá diferença de potencial entre os eletrodos.

A união de dois metais diferentes gera, automaticamente, uma diferença de potencial (ddp) responsável pela geração de corrente elétrica. Esse processo químico é conhecido, dentro da eletroquímica como "pilha". Em uma pilha de zinco e chumbo, a reação que ocorre é a seguinte:

Pb 2+(aq) + Zn (s) ---->  Pb (s) + Zn 2+(aq) 

Analisando esse processo, assinale a afirmação correta?


O pólo positivo é o eletrodo de zinco.
Essa reação não ocorreria em solução eletrolítica.
O cátodo é o eletrodo de zinco.
O eletrodo de zinco sofre corrosão.
Os elétrons fluem do eletrodo de chumbo para o eletrodo de zinco.

Assinale abaixo qual alternativa é incorreta acerca de um equilíbrio químico:


A velocidade da reação direta é igual à velocidade da reação inversa.
Os sistemas se deslocam espontaneamente para o estado de equilíbrio.
Obrigatoriamente, as concentrações de todas as substâncias participantes do equilíbrio devem ser iguais.
Ambas as reações (direta e inversa) ocorrem simultaneamente (trata-se de um equilíbrio dinâmico).
As características macroscópicas do sistema (desde que fechado) não mais se alteram.

Em algumas situações, é muito fácil medir a pressão de um gás do que medir a sua concentração. No sentido de facilitar o acompanhamento de processos que envolvem gases, propôs-se escrever uma expressão de equilíbrio em função das pressões parciais dos gases presentes no meio reacional que caminha para o equilíbrio químico. Para o equilíbrio 2NOCl(g) <--> 2NO(g) + Cl2(g), o valor da constante de equilíbrio Kc é 3,75 x 10-6 a 796°C. Qual o valor de Kp para esta reação nesta temperatura?


1,94 x 104
3,01 x 10-4
5,17 x 109
3,75 x 10-6
3,29 x 10-4

Numa dada temperatura, a velocidade de uma reação é diretamente proporcional ao produto das concentrações em mol/L dos reagentes elevadas às potências que dependem do mecanismo da reação. Em um recipiente a 25°C ocorre a reação entre os gases A e B, segundo a equação da Lei da Velocidade V = k.[A].[B]. 

O que acontece com a velocidade da reação quando:                                                                     

I – aumentamos a pressão (diminuímos o volume)

II – aumentamos o número de mols de A

III – diminuímos a temperatura a volume constante

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:


I, aumenta; II, permanece constante; III, diminui.
I, diminui; II, diminui; III, permanece constante.
I, aumenta; II, aumenta; III, diminui.
I, permanece constante; II, permanece constante; III, aumenta.
I, permanece constante; II, aumenta; III, diminui.

Em reações das quais participam reagentes em diferentes fases, a velocidade de reação será tanto maior quanto maior for a área de contato entre as fases. Em um experimento, observa-se que a velocidade de reação é maior quando um comprimido efervescente é colocado:


Inteiro, em água que está à temperatura de 25°C.
Pulverizado, em água que está à temperatura de 6°C.
Inteiro, em água que está à temperatura de 6°C.
Pulverizado, em água que está à temperatura de 45°C.
Inteiro, em água que está à temperatura de 45°C.

A reação química reversível genérica, abaixo representada, possui constante de equilíbrio igual a 120, a 25°C. É correto afirmar que:


A(g) + B(g)   =    C(g) + D(g)                  K = 120


No equilíbrio, as quantidades de reagentes e produtos são iguais.
No equilíbrio haverá maior quantidade de reagentes que de produtos.
No equilíbrio haverá maior quantidade de produto que de reagentes.
Se o valor da constante baixar para 60, a velocidade da reação cairá pela metade.
Em 50°C a constante de equilíbrio terá valor igu al a 240.
Páginas: 123