FÍSICO-QUÍMICA I


A pressão de vapor de uma solução a cada temperatura diminui como resultado da presença de um soluto e, assim, é necessário aquecer a solução a uma temperatura mais alta, a fim de alcançar seu ponto de ebulição. Se 6,84g de sacarose (C12H22O11) são dissolvidos em 800 mL de água, qual a nova temperatura de ebulição? Dados:  constante ebuliométrica é 0,512°.molar-1, ponto de ebulição da água pura é 100°C.


30,06 °C
100,01°C
188,20 °C
158,85 °C
75,60 °C

Durante o processo de aquecimento de uma quantidade de água, determinou-se que ocorreu uma variação de entropia (ΔS) igual a + 0,336 J/K. Sabendo que o processo ocorreu a uma temperatura de 25 º C, determine qual foi a quantidade de energia, na forma de calor, foi transferida reversivelmente para a água.


100 J
250 J
50 J
34,5 J
342 J

Em processos espontâneos podemos verificar que os sistemas ficam mais desorganizados e nas transições de fase, a desordem aumenta do sólido para o estado gasoso. Marque a alternativa que apresenta uma reação que possui um aumento da desordem do sistema.


2SO2(g) + O2(g)  →  2SO3(g)
H2CO3(aq)  →  CO2(g) + H2O(l)
NaCl(l)  →  NaCl(s)
 2H2(g) + O2(g)  →  2H2O(g)
2N2(g) + O2(g)   →   2N2O(g)
Abaixo estão listadas as entalpias padrão de formação de algumas substâncias:                 Substâncias   /   ΔH° de formação (kJ/mol)                  CO2 (g)  /   ΔH°f = - 393,3                   H2O(g)  /   ΔH°f = - 285,8                  CH3OH(l)  /   ΔH°f = - 238,5Qual alternativa abaixo contém a afirmação correta sobre a combustão completa de 1 mol de metanol? CH3OH(l) + 2 O2(g) → CO2(g) + 2 H2O(g)

liberação de 181,6 kJ
liberação de 726,3 kJ
absorção de 726,3 kJ    
absorção de 863,2 kJ
liberação de 863,2 kJ
Analisando um sistema termodinâmico, verifica-se que ele realiza um trabalho de 40 kcal sobre o ambiente, quando recebe 30 kcal de calor. Nesse processo, a variação de energia interna desse sistema é de:

+ 41,8 kcal
+ 10 kcal
- 41,8 kcal
- 25 kcal
- 10 kcal
Dois recipientes contêm, respectivamente, 0,5 mol de metano e 1,5 mol de monóxido de carbono. Sabendo-se que esses gases estão submetidos à mesma temperatura e pressão. Se o volume do metano é 9 L, qual é o volume do monóxido de carbono?

27 L.
25 L
15 L
21 L
11 L
No interior de um pneu temos uma pressão de 2,30 atm quando a temperatura era de 27oC. Depois de ter rodado uma certa distância, a pressão passou a ser de 2,53 atm. Supondo variação de volume do pneu desprezível, isto é, transformação isovolumétrica, qual será a nova temperatura?

29,7 oC.
33,0 oC.
57,0 oC.
273,0 oC.
330,0 oC
Durante o estudo das propriedades coligativas, foi demonstrado que o grau de dissociação iônica pode ser determinado através da equação i = 1 + α (q - 1), onde i representa o fator de Van't Hoff, q é o somatório de mols de íons e α é o grau de dissociação. Com base nesse conhecimento, assinale qual das soluções abaixo apresenta o maior grau de dissociação iônica.

NaCl com fator Vant’Hoff igual a 1,9
FeCl3 com fator Vant’Hoff igual a 3
H3PO4 com fator Vant’Hoff igual a 1,5
CaCl2 com fator Vant’Hoff igual a 2,5
Na2CO3 com fator Vant’Hoff igual a 2,6
Após misturar 0,7 mol de um soluto não volátil e não iônico em 500 g de benzeno, observou-se que uma variação na temperatura de congelamento de 7,17 °C. Determine o valor da constante crioscópica (Kf) do benzeno.

3,45 °C / molal
5,12 °C / molal
1,12 °C / molal
5,80 °C / molal
1,99 °C / molal
Sabendo que a variação da entropia (ΔS) pode ser calculada pela razão existente entre a energia transferida para um corpo e a temperatura em que essa transferência ocorre, qual das alternativas abaixo contém a variação da entropia observada quando 50 J de energia são removidos reversivelmente de um corpo, a uma temperatura de 0 º C. 

- 2,65 J/K
+ 1,15 J/K
+ 50 J/K
- 0,18 J/K
- 0,50 J/K
Páginas: 1234