FÍSICA, QUÍMICA E MATEMÁTICA APLICADAS À BIOLOGIA


A substância pura (material formado por moléculas iguais) é classificada em: substância pura simples - moléculas formadas por um único tipo de átomo e substância pura composta - moléculas formadas por dois ou mais tipos de átomo.

A partir dessas informações, classifique a seguir as substâncias puras, e também identifique quantos átomos e quantos elementos químicos há em cada molécula (Moléculas 01, 02 e 03):

Molécula 01: H3PO4 (ácido fosfórico)

Molécula 02: C2H60 (álcool etílico) 

Molécula 03: P4 (fósforo branco)


Molécula 01: substância simples, oito átomos e três elementos químicos; Molécula 02: substância simples, nove átomos e três elementos químicos; Molécula 03: substância composta, quatro átomos e um elementos químico.


Molécula 01: substância composta, oito átomos e dois elementos químicos; Molécula 02: substância composta, nove átomos e dois elementos químicos; Molécula 03: substância simples, quatro átomos e um elementos químico.


Molécula 01: substância composta, oito átomos e três elementos químicos; Molécula 02: substância composta, nove átomos e três elementos químicos; Molécula 03: substância simples, quatro átomos e um elementos químico.


Molécula 01: substância composta, sete átomos e três elementos químicos; Molécula 02: substância composta, oito átomos e três elementos químicos; Molécula 03: substância simples, quatro átomos e um elementos químico.


Molécula 01: substância simples, sete átomos e três elementos químicos; Molécula 02: substância simples, oito átomos e três elementos químicos; Molécula 03: substância composta, quatro átomos e um elementos químico.

Em 1727, poucas semanas antes de sua morte, um dos homens mais famosos da época está ocupado queimando caixas cheias de seus manuscritos. O que poderia haver escrito para que fosse necessário tal atitude? Isaac Newton foi o pai da ciência moderna. Ele descobriu o segredo da gravidade. Mas parece que maçãs caindo não estava no topo de suas prioridadesAs leis de Newton definem-se sobre uma estrutura vetorial, contudo essas leis foram expressas nas mais diferentes formas nos últimos três séculos, incluso via formulações de natureza essencialmente escalar. As formulações de Hamilton e de Lagrande da mecânica clássica; embora em nada acrescentem em termos de fundamentos às leis de Newton, expressam os mesmos princípios de forma muito mais prática a certos problemas, embora representem a primeira vista complicações frente aos problemas mais simples usualmente encontrados em seções que visam a explicar as leis de Newton. Newton não apenas estabeleceu as leis da mecânica como também estabeleceu a lei para uma das interações fundamentais, a lei da gravitação universal, e ainda construiu todo o arcabouço matemático necessário - o cálculo diferencial e integral - para que hoje se pudessem projetar e pragmaticamente construir desde edifícios até aviões, desde sistemas mais eficientes de freios automotivos até satélites em órbita. O mundo hoje mostra-se inconcebível sem a compreensão que vem à luz via leis de Newton.

Fonte: Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=0r2_hOigXTQ. Acesso em: 14 set.2016.

Fonte: Disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Leis_de_Newton. Acesso em: 15 set.2016.

Figura: Isaac Newton: o pai da ciência moderna.

Fonte: Disponível em: http://cdn8.openculture.com/wp-content/uploads/2015/03/30193908/isaac-newton-list-of-sins.jpg.

Considerando as informações do texto acima e seus estudos sobre as leis de Newton, analise as afirmativas a seguir.

I)  A Primeira lei de Newton mostra que o produto da massa de um corpo por sua aceleração corresponde à força resultante que atua sobre esse corpo

II) A Segunda Lei de Newton, ou lei da Inércia, diz que a tendência dos corpos, quando nenhuma força é exercida sobre eles, é permanecer em seu estado natural, ou seja, repouso ou movimento retilíneo e uniforme.

III) A Terceira lei de Newton, ou Princípio da ação e reação, diz que a força representa a interação física entre dois corpos distintos ou partes distintas de um corpo. Se um corpo A exerce uma força em um corpo B, o corpo B simultaneamente exerce uma força de mesma magnitude no corpo A - ambas as forças possuindo mesma direção, contudo sentidos contrários. 

Está(ão) CORRETA(S) a(s) afirmação(ões) contida(s) em:


I e II, apenas


I e III, apenas


II, apenas


I, II e III


III, apenas

Diversas vezes em nosso cotidiano já nos deparamos com situações onde deixamos cair algum objeto, seja ele uma borracha, uma caneta, ou até mesmo um copo. Esse movimento de queda já intrigava os cientistas há muitos e muitos anos (cerca de 2 mil anos). De acordo com a história das ciências, o primeiro cientista a propor explicações para tal fato foi Aristóteles, mas o que melhor esclareceu o fenômeno foi Galileu. 

Após diversos experimentos, Galileu conseguiu chegar à conclusão de que, para objetos próximos da Terra, e desprezando a resistência do ar, qualquer objeto cai com a mesma aceleração. Essa aceleração foi chamada de aceleração da gravidade (). Isaac Newton, que muito se interessava pelo movimento de queda livre, apresentou explicações concisas a respeito da existência da aceleração da gravidade. Ele enunciou que onde houvesse aceleração haveria uma força, pois se um objeto cai com aceleração é porque a Terra exerce uma força sobre ele – uma força denominada peso, que é representada por .

De acordo com suas experimentações, Newton percebeu que a força peso tem a mesma direção de uma força que passa pelo centro da Terra, ou seja, a direção do vetor peso é voltada para o centro da Terra, independente da localização do objeto nas proximidades da Terra.

Fonte: Disponível em: http://brasilescola.uol.com.br/fisica/peso-um-corpo.htm. Acesso em: 13 set.2016.

A partir das informações do texto acima e considerando que um paraquedista (VIDE Figura) que pesa 600N apresenta em sua queda uma velocidade constante de 50m/s . Pergunta-se: qual é a massa dele?

Figura: Paraquedista - salta de aeronaves ou de lugares fixos.

Fonte: Acervo do autor.


100Kg
60Kg
55Kg
50Kg
120Kg

Primeiramente, leia atentamente o texto a seguir.

O que são hemácias? 

As hemácias, também conhecidas como eritrócitos, são os glóbulos vermelhos do sangue. A hemácia é o elemento presente em maior quantidade no sangue. Existem cerca de 5 milhões de hemácias por milímetro cúbico, no sangue de um homem adulto e saudável (na mulher, cerca 4,5 milhões).

Componentes das hemácias e função

A hemoglobina é o principal componente das hemácias. De coloração avermelhada, ela possui a função de fazer o transporte de oxigênio pelos diferentes tecidos do corpo humano. Transporta também uma pequena quantidade de gás carbônico. Além da hemoglobina, as hemácias também são compostas por íons, glicose, água e enzimas.

Formação

Eritropoiese é o nome científico que se dá a formação das hemácias no corpo humano. Este processo acontece na medula óssea.

Curiosidades

- Uma hemácia vice, em média, de 100 a 120 dias.

- São produzidas cerca de 2,4 milhões de hemácias por segundo em nosso corpo.

- A contagem de hemácias presentes no sangue é feito por meio de um exame laboratorial conhecido como hemograma.

- A cor vermelha do sangue é explicada pela presença das hemácias.

- A diminuição no tamanho das hemácias é chamada de microcitose. Já o aumento é conhecido por macrocitose.


Fonte: Disponível em: http://www.todabiologia.com/anatomia/hemacias.htm. Acesso em: 27 jul.2016.

 

A partir de sua leitura e análise, assinale a alternativa que apresenta o número em destaque no texto, representado em notação científica.


4,5 x 106
4,5 x 103
4,5 x 10-6
4,5 x 10-3
4,5 x 109

A matéria é constituída por partículas chamada átomos!

O átomo é formado por três partículas fundamentais: prótons, elétrons e nêutrons. Os prótons e nêutrons localizam-se em uma região central chamada núcleo ou coroa. Esta núcleo é envolvido pela eletrosfera onde se encontra, os elétrons. Considerando essas informações, podemos afirmar que o número atômico e o número de massa de um átomo constituído de 17 prótons, 17 elétrons e 18 nêutrons corresponde aos seguintes valores:

 


Z=35 e A=17
Z=18 e A=35
Z=17 e A=18
Z=17 e A=35
Z=17 e A=17

A aceleração é a grandeza que mede a velocidade que a velocidade varia. Se ao passar do tempo a velocidade de um corpo aumenta, significa que a aceleração é positiva. Caso contrário, se a velocidade do corpo diminui ao longo do tempo então a aceleração é negativa. Quando acontece da aceleração ser zero, dizemos que é um Movimento Retilíneo Uniforme (MRU), o que significa que a velocidade é constante, não há variação da velocidade no decorrer do tempo. Porém, quando há aceleração positiva ou negativa, dizemos que é um Movimento Retilíneo Uniformemente Variado, o que significa que a velocidade varia ao longo do tempo. Se a aceleração é positiva, a velocidade aumenta e se a aceleração é negativa, a velocidade diminui.

Fonte: Disponível em: http://comocalcular.com.br/fisica/como-calcular-aceleracao.

Considerando as informações do texto acima, analise o questionamento a seguir e assinale a alternativa CORRETA. 

Um avião, durante sua decolagem, mantém uma aceleração constante de 3m/s2. Quanto de velocidade ele ganha nos primeiros 10 segundos de movimento?

Figura: Avião - meio de transporte civil e militar mais rápido do planeta.

Fonte: Acervo do autor.


3 m/s
3 Km/h
30 m/s
30 Km/h
300 m/s

Leia atentamente os textos a seguir.

Microscópio Óptico

Microscópio é o instrumento que serve para ampliar, com a finalidade de observação, a imagem de objetos minúsculos. Os microscópios são intensivamente usados nos mais diversos ramos da ciência, como Biologia, Medicina, Geologia e pesquisa científica em geral.

Os microscópios ópticos ou óticos são também conhecidos como lupas ou lentes de ampliação, os microscópios mais simples são dotados de uma lente convergente, ou sistema de lentes equivalentes. Para facilitar o manuseio e a observação, algumas lentes são montadas em suportes, fixos ou portáteis. A luz é muito importante nesse processo. Os microscópios simples já eram utilizados em meados do século XV, produzidos com lentes suficientemente poderosas para observar bactérias minúsculas.

Fonte: Disponível em:http://www.amaurycoutinho.org.br/videos/videos_html/microscopio.htm

 

"Cientistas britânicos conseguiram fazer com que um microscópio ótico conseguisse enxergar objetos de cerca de 0,00000005m, oferecendo um olhar inédito sobre o mundo nanoscópico”.

Os microscópios são fantásticos instrumentos de pesquisa e de estudos !

Fonte: Disponível em: http://noticias.uol.com.br/ultnot/cienciaesaude/ultimasnoticiasl/bbc/2011/03/02/com-metodo-inovador-cientistas-criam-microscopio-mais-potente-do-mundo.jhtm Acesso em: 27.1 0.2013. Adaptado


Assinale a alternativa CORRETA, que apresenta o número em destaque no texto, representado em notação científica.


5,0x108
5,0x10-8
5,0x10-9
5,0x109
5,0x10-10

Na Universidade de Uberaba, há 210 docentes (mulheres), e 5/8 do total de funcionários da instituição são docentes (homens). 

Quantos docentes (homens e mulheres) há na Universidade?                                                                           


130
560
350
770
210

A ligação iônica é formada pela atração eletrostática entre íons de cargas opostas, positivos (cátions) e negativos (ânions). No composto iônico X2Y3

X é cátion e Y o ânion. Qual o número de elétrons nas camadas de valência dos átomos neutros X e Y?


X=6 e Y=6


X=3 e Y=3


X=2 e Y=3


X=6 e Y=3


X=3 e Y=6

O diâmetro do átomo é cerca de 10 mil vezes maior que o diâmetro de seu núcleoO núcleo poderia ser comparado a uma azeitona no centro de um campo de futebol e a eletrosfera seria o estádio. O tamanho do átomo é, portanto, o tamanho da eletrosfera. 

Considerando as informações acima e sabendo-se que o átomo de urânio possui 92 prótons e número de massa 238, determine seu número de nêutrons:


330


46


146


238


92

Páginas: 123456