ESTUDOS INTERDISCIPLINARES EM FÍSICA


(ENADE) 

Calor e temperatura são conceitos estatísticos ligados às propriedades coletivas das partículas que constituem os corpos: a temperatura está ligada à energia cinética média das partículas e o calor, às trocas de energia entre osconstituintes dos corpos. Ao utilizar em aula um termoscópio, o professor, associando discussões históricas ao experimento, possibilitará que seus alunos distingam os conceitos de temperatura e calor, ao constatarem que, quando ele segura o termoscópio, o nível do líquido

 


aumenta, caso a temperatura do professor seja igual à do ambiente.


não se altera, caso a temperatura do professor seja menor que a do ambiente.


diminui, caso a temperatura do professor seja maior que a do ambiente

 


aumenta, caso a temperatura do professor seja superior à do ambiente


aumenta, para qualquer temperatura ambiente.

(ENADE) No vocabulário pedagógico do MEC, presente nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), interdisciplinaridade, contextualização e autonomia são três pilares fundamentais da Educação. Nessa perspectiva, procurando seguir as orientações oficiais dos PCN, os currículos escolares apresentam algumas das recomendações abaixo.

I- A interdisciplinaridade não deve preceder a disciplinaridade.

II-Uma referência fundamental é considerar o que o jovem precisa para viver em um mundo tecnológico complexo e em transformação.

III- As disciplinas afins devem ser agrupadas em uma única disciplina.

IV- A lista de tópicos dos programas não deve ser o foco principal.

 

Estão de acordo com as orientações oficiais APENAS os currículos que seguem as recomendações

 


I, II e IV


I, III e IV


II, III e IV


I, II e III


I e II

(ENADE) 

Os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) redirecionaram a Física, no Ensino

Médio, para estimular, nos alunos, o interesse por conhecer o mundo físico a partir

de procedimentos para formar cidadãos autônomos intelectualmente. Considerando esse referencial, analise as seguintes abordagens presentes em materiais didáticos:

I- procedimentos de pesquisa de concepções de senso comum;

II- privilégio de aspectos teóricos;

III-utilização de novo saber em sua dimensão aplicada;

IV-apresentação do conhecimento como fruto da genialidade dos cientistas.

Para selecionar materiais didáticos que atendam às orientações dos PCN para o Ensino Médio , devem ser consideradas APENAS as abordagens

 


III e IV


II e III


I e IV


II e IV


I e III

(ENADE) O desenvolvimento da ação educativa a partir da construção de projetos político-pedagógicos tornou-se uma obrigação para as escolas. Neste contexto, a Física deve participar, aproveitando os momentos pedagógicos para trabalhar seusconteúdos. Numa escola hipotética, a realização de uma peça teatral é um desses momentos. Os professores de Física resolvem trabalhar, assim, com o tema estruturador 4 dos PCN+: Som, Imagem e Informação. O projeto da Física trabalhará com a iluminação do palco, sem esquecer as diretrizes do cenógrafo. As características do teatro são: as paredes do palco, quando iluminadas com luz verde e vermelho, misturadas, ficam amarelas, e o piso, quando iluminado com luz verde e azul, misturadas, fica ciano. As cores das paredes do palco e do piso, respectivamente, são:


azul e branco.


branco e branco.


amarelo e amarelo.


amarelo e azul.


verde e magenta.

(ENADE) 

Há uma variedade de possibilidades e tendências do uso de estratégias de ensino frutíferas para se ensinar de modo significativo e consistente. Uma abordagem construtivista a ser adotada no laboratório didático é a que apresenta situações experimentais destinadas a que os alunos


Redescubram a ciência produzida por cientistas.


verifiquem e confirmem leis e teorias da Física, previamente ensinadas.


revelem qualitativamente suas idéias prévias.


Exemplifiquem o uso da metodologia científica na produção da ciência


Evitem o desenvolvimento de concepções alternativas à científica

(Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física- tópico dilatação térmica) Um par de lâminas bimetálicas se apresenta sem deformação a 25º C conforme a figura. Uma das partes de cada par é constituída pelo mesmo metal (metal 1), sendo a segunda parte de cada lâmina bimetálica constituída por metais diversos (metal 2 e metal 3). Ao baixar a temperatura para 10º C as duas lâminas se deformam em acordo com o que está representado na figura.( considere α1, α2 e α3 sendo os coeficientes de dilatação térmica linear)

 

 

 

 

 

 


α1 < α2 e α2 > α3


α2 = α1 e α1 = α3


α1 > α3 e α3 < α2


α2 > α1 e α1 > α3


α2 < α1 e α1 < α3

Sobre o processo de passagem da água do estado líquido para o gasoso é incorreto dizer que:

 


Abaixo do ponto de ebulição, a água só pode ser encontrada nos estados líquido e sólido.


(Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física- tópico mudança de fase) A evaporação pode acontecer a qualquer temperatura, e depende da área de interface do líquido com o ar.


A solidificação da água  e entendida como a passagem da água do estado líquido para o sólido.


Quando o ponto de ebulição é alcançado, bolhas de vapor se formam no interior da água na fase líquida.


A vaporização (da água), entendida como a passagem da água do estado líquido para o gasoso, pode acontecer por evaporação e por ebulição.

(Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física- modificada- tópico dinâmica) A força normal é uma força de contato. Se duas superfícies não estão em contato, elas não podem exercer uma força normal uma sobre a outra. Por exemplo, as superfícies de uma mesa e de uma caixa não podem exercer forças normais uma na outra se elas não estiverem em contato. Contudo, quando duas superfícies estão em contato (por exemplo, uma caixa e uma mesa) elas exercem uma força normal uma na outra, perpendicular às superfícies de contato. Essa força normal será tão grande quanto necessário para evitar que as superfícies penetrem uma na outra.

Qual das declarações abaixo é a correta?


A força normal é a mesma coisa que o peso.


A força normal é diferente do peso, mas os dois podem ter a mesma intensidade em certos casos.


A força normal é diferente do peso, mas os dois formam um par ação-reação de acordo com a primeira  lei de Newton.


A força normal é diferente do peso, mas os dois formam um par ação-reação de acordo com a segunda lei de Newton.


A força normal é diferente do peso, mas sempre possui a mesma intensidade.

(Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física- modificada- tópico gravitação) “Os astrofísicos americanos Barry Barish, Kip Thorne e Rainer Weiss venceram o Prêmio Nobel de Física de 2017 por seus estudos que contribuíram para a detecção das ondas gravitacionais - anunciou o júri da Academia Sueca. ” Essa notícia foi divulgada entusiasticamente no início do mês de outubro deste ano. Sobre ondas gravitacionais é correto afirmar que:


Unifica a força gravitacional com outras forças.


Prevista por Albert Einstein, são alterações no espaço-tempo que são percebidas instantaneamente em todo o Universo.


Prevista por Albert Einstein, são alterações no espaço-tempo que poderiam oferecer informações valiosas sobre a origem do Universo.


Assim como Newton afirmava, ondas gravitacionais se devem a variações na força atrativa entre dois corpos dotados de cargas elétricas.


Assim como Newton afirmava, ondas gravitacionais se devem a variações na força atrativa entre dois corpos dotados de massa.

Os conceitos físicos são criações livres do espírito humano; eles não são, como se poderia acreditar, determinados unicamente pelo mundo exterior. No esforço que fazemos para compreender o mundo, nós parecemos um pouco com uma pessoa que tenta compreender o mecanismo de um relógio completamente fechado: ela vê o mostrador e os ponteiros em movimento, ouve o tique-taque, mas não tem nenhum meio de abrir o relógio. Se ela for criativa, poderá construir uma imagem do mecanismo, considerando-o responsável por tudo o que ela observa; mas ela nunca estará segura de que sua imagem é a única capaz de explicar suas observações. Ela nunca estará em condições de comparar sua imagem com o mecanismo real e sequer poderá representar a possibilidade ou a significação de tal comparação. Assim o pesquisador também crê certamente que, à medida que seus conhecimentos aumentarão, sua imagem da realidade se tornará cada vez mais simples e explicará campos de impressões sensíveis sempre mais amplos. Ele poderá, assim, crer na existência de um limite ideal do conhecimento, que o espírito humano pode alcançar. Ele poderá chamar esse limite ideal de verdade objetiva.

(EINSTEIN, Albert. INFELD, Léopold. L’ évolution des idées en Physique. Trad. M. Solovine. Paris: Payot, 1978, p. 34-35)

Segundo o texto escrito no século XX, a partir de uma concepção contemporânea de ciência,


abordagens científicas mais amplas e mais simples dependem do grau de conhecimento do mundo.


na Física os conceitos formulados pelos cientistas são independentes dos fenômenos do mundo exterior.


verdade objetiva é fruto de uma investigação neutra, isenta de interpretações e estimativas.


os dados observados por um cientista são suficientes para se ter certeza na ciência.


a prática científica constrói imagens do mundo que devem ser rigorosamente idênticas à realidade.

Páginas: 123