DETERMINANTES SOCIAIS DA SAÚDE


É consenso que a proposta do SUS que define as ações dos assistentes sociais está fundamentada em uma concepção moderna e ampliada de saúde. Acerca do assunto, julgue os itens a seguir e, em seguida, escolha a alternativa correta: ...
I.    Na concepção de saúde moderna, todos os fatores que não podem ser controlados pelos indivíduos estão excluídos do âmbito da promoção da saúde. 
II.    A concepção tradicional de saúde enfatiza que os programas e ações praticados estão concentrados em componentes educativos primariamente relacionados com riscos comportamentais cambiáveis (modificáveis do comportamento individual e coletivo). 
III.    A concepção ampliada de saúde permitiu superar o conceito de promoção da saúde referenciado no modelo da história natural da doença, que considera a saúde como ausência de doença. 
IV.    A concepção de saúde moderna envolve um campo de conhecimentos e práticas transversais a todas as ações e níveis de saúde, vinculando-os, especialmente, ao conjunto das políticas sociais. 
V.    A concepção moderna de saúde perpassa os diferentes níveis de complexidade específicos da atenção à saúde: a prevenção, a promoção e a cura; e entende a promoção da saúde como uma etapa anterior à prevenção ou à cura.
 

Estão certos apenas os itens: 
 


II, III e V


II, III e IV


I, IV e V


I, II e V 


I, III e IV

O processo saúde/doença é uma expressão usada para fazer referência a todas as variáveis que envolvem a saúde e a doença de um indivíduo ou população, considera que ambas estão interligadas e são consequência dos mesmos fatores. De acordo com esse conceito, assinale abaixo a alternativa correta. 
 


Atualmente a Epidemiologia explica o processo saúde doença pela articulação entre determinantes sociais e genéticos


Os grandes avanços nas pesquisas da engenharia genética e biologia molecular possibilitaram a explicação do aparecimento de muitas patologias e este é o paradigma mais aceito atualmente para a explicação do processo saúde/doença


As formas concretas de inserção sócio econômica da população (condições de trabalho e condições de vida) são relevantes para explicar a saúde e o perfil epidemiológico


O Conceito da Organização Mundial de saúde (OMS) que define a saúde não apenas como ausência de doença, mas como uma situação de perfeito bem estar físico, mental e social ainda é o mais abrangente na explicação do processo saúde-doença


As grandes variações climáticas são os principais determinantes do processo saúde/doença nos países em desenvolvimento

Considerando o debate dos determinantes sociais da saúde realizado durante a Conferência Mundial sobre Determinantes Sociais, ocorrida no Brasil em 2011, assinale abaixo a opção incorreta.

 


Apoiar a abordagem dos determinantes sociais significa compreender o valor que a saúde tem para a sociedade e admitir que ela depende de ações que, muitas vezes, não têm relação com o setor saúde


A implementação de ações sobre os determinantes sociais baseia-se em três temas mais amplos: 1) reduzir as iniquidades em saúde; 2) melhorar as condições de saúde e o bem-estar, promover o desenvolvimento e alcançar objetivos gerais no campo da saúde; 3) promover ações em uma série de prioridades sociais, para além do campo da saúde e que dependem de melhores níveis de igualdade em saúde


É altamente recomendavel que as abordagens ligadas aos determinantes sociais sejam implementadas da mesma forma como se executa um “programa” de ações


Considera-se que os determinantes sociais mais importantes são aqueles que geram estratificação social, ou seja, determinantes estruturais como a distribuição de renda, a discriminação e a existência de estruturas políticas ou de governança que reforcem as iniquidades relativas ao poderio econômico


Como determinantes intermediários encontram-se: as condições de vida, as circunstâncias psicossociais, os fatores comportamentais e/ou biológicos e, o próprio sistema de saúde, que dão forma às condições de saúde dos indivíduos

Considerando os seus estudos na disciplina e, em relação aos determinantes Sociais da Saúde (DSS), assinale abaixo a alternativa incorreta... 
 


A importância cada vez maior dos DSS está no fato de que, atualmente, o conceito de saúde não se restringe apenas à ausência de doenças e males físicos, mas também a diversos fatores de ordem social, econômico e cultural


Os DSS representam os fatores sociais relacionados ao nosso cotidiano que podem influenciar a nossa saúde


Estudar os DSS é fundamental para criação de políticas e diretrizes com vistas à melhoria das condições de saúde da população


O combate às iniquidades deve ser prioritariamente realizado mediante ações emergenciais e somente quando ocorrem epidemias


Estudos e políticas sobre os DSS contribuem para promover uma tomada de consciência com referência às iniquidades de saúde que ainda persistem na sociedade

É consenso que a proposta do SUS que define, entre outras, as ações dos assistentes sociais, está fundamentada em uma concepção moderna e ampliada de saúde. Acerca do assunto, julgue os itens a seguir:

I.    Na concepção de saúde moderna, todos os fatores que não podem ser controlados pelos indivíduos estão excluídos do âmbito da promoção da saúde. 
II.    A concepção tradicional de saúde enfatiza que os programas e ações praticados estão concentrados em componentes educativos primariamente relacionados com riscos comportamentais cambiáveis (modificáveis do comportamento individual e coletivo). 
III.    A concepção ampliada de saúde permitiu superar o conceito de promoção da saúde referenciado no modelo da história natural da doença, que considera a saúde como ausência de doença. 
IV.    A concepção de saúde moderna envolve um campo de conhecimentos e práticas transversais a todas as ações e níveis de saúde, vinculando-os, especialmente, ao conjunto das políticas sociais. 
V.    A concepção moderna de saúde perpassa os diferentes níveis de complexidade específicos da atenção à saúde: a prevenção, a promoção e a cura; e entende a promoção da saúde como uma etapa anterior à prevenção ou à cura.

Estão corretos apenas os itens:
 


I, IV e V. 


II, III e IV. 


I, III e IV. 


I, II e V. 


II, III e V.

A institucionalização do direito à saúde a todos os cidadãos brasileiros se deu a partir da:


Promulgação da Constituição Federal de 1988


Criação da lei orgânica da saúde


Criação do Conselho Nacional de Saúde


Publicação da Norma Operacional Básica nº 1


Aprovação do Decreto nº 7.508, de 2011

No ano de 1984, em Toronto, no Canadá, surgiu a proposta das “Cidades Saudáveis”, cujo desenvolvimento tem a seguinte diretriz:
 


c)  Exclusão da participação da comunidade nas discussões das ações sanitárias
a)  Orientação para a formação de recursos humanos pelas propostas do Relatório Flexner
d)  Utilização dos hospitais como espaços privilegiados de diagnóstico e tratamento
b)  Saúde como qualidade de vida, tendo a intersetorialidade como estratégia principal
e)  Mecanicismo: o corpo humano deve ser visto como uma máquina

Um dos indicadores de determinantes socioeconômicos de saúde considerados no Brasil é a taxa de analfabetismo. De posse dos dados a respeito deste indicador, disponíveis no Observatório sobre Iniquidades em Saúde, analise as afirmativas a seguir e, em seguida, assinale abaixo a alternativa INCORRETA ...
 


c) O maior percentual de analfabetismo é encontrado na região Nordeste, com valores em torno de 17% da população
b) Para o cálculo da taxa de analfabetismo consideram-se apenas as pessoas com mais de 10 anos de idade que não sabem ler e escrever
a) A taxa de analfabetismo sempre foi maior entre indivíduos com renda per capita de até ½ salário mínimo
e) A taxa de analfabetismo entre indivíduos com renda per capita igual ou superior a 2 salários mínimos permaneceu estável ao longo dos anos estudados
d) O analfabetismo tem relação inversa com a escolaridade, ou seja, quanto menor o número de anos de estudo, maior a taxa de analfabetismo da população

As informações produzidas pela equipe integrante do Observatório sobre Iniquidades em Saúde têm como público-alvo os gestores dos sistemas e serviços de saúde, bem como dos sistemas e serviços de proteção social; acadêmicos; profissionais do terceiro setor que atuam na saúde e nas políticas de proteção social e a população em geral. Para levar informações a todo o público que deseja informar, este órgão atua em três níveis.
 
A respeito dos níveis de atuação do Observatório sobre Iniquidades em Saúde, marque (V) para as afirmativas verdadeiras e (F) para as falsas. Em seguida, assinale a alternativa que corresponde à sequência correta de V e F...
 

(   ) No primeiro nível de atuação, o Observatório sobre Iniquidades em Saúde se propõe a publicar indicadores demográficos, econômicos e sociais, bem como indicadores de situação de saúde e de serviços de atenção à saúde até o ano 2010, data em que foi finalizado o relatório da Comissão Global sobre Determinantes Sociais de Saúde;
(   ) No segundo nível de atuação, o Observatório sobre Iniquidades em Saúde busca apresentar a análise de especialistas sobre as tendências de alguns indicadores, buscando identificar seus determinantes e os efeitos das políticas de intervenção;
(   ) A seleção dos indicadores publicados pelo Observatório sobre Iniquidades em Saúde se deu a partir da experiência de outros observatórios existentes no mundo, das recomendações da Comissão Global sobre Determinantes Sociais de Saúde e da análise a respeito dos determinantes que melhor revelam as as iniquidades em saúde no Brasil;
(  ) No terceiro nível de atuação, o Observatório sobre Iniquidades em Saúde se propõe a recomendar estratégias e políticas de combate às iniquidades de acordo com os dados compilados e as análises produzidas.
 

Assinale abaixo a alternativa que corresponde à sequência CORRETA ...
 


b)  F, V, F, V
e)  V, V, F, F
d)  F, F, V, V
c)  V, F, V, F
a)  F, V, V, F

Com o estabelecimento do Pacto pela Saúde em 2006, os estados e municípios, que, antes desse pacto, recebiam repasses de recursos federais por uma infinidade de maneiras, passaram a receber esses recursos por meio de cinco blocos de financiamento. Entre esses blocos incluem-se:
 


a)    ambulatório, os hospitais de ensino e os hospitais de pequeno porte
b)    a atenção de média complexidade, a atenção em saúde e os hospitais de ensino
c)    a gestão do SUS, os hospitais de ensino e os hospitais de pequeno porte
d)    a atenção básica, a assistência farmacêutica e a vigilância em saúde
e)    o ambulatório, a atenção em saúde e a auditoria em saúde
Páginas: 123