QUÍMICA AMBIENTAL


Sabe-se que a chave para a redução do smog fotoquímico é o controle das emissões de NO, pois os hidrocarbonetos são geralmente abundantes demais para serem reduzidos o suficiente para se tornarem o fator limitante. Atualmente nas usinas de força estacionárias é possível converter o NO em uma substância inerte. Dentre as alternativas abaixo, qual substância a apresenta característica inerte?


N2


N2O


NO


N2O5


NO2

Demanda bioquímica de oxigênio (DBO) corresponde à quantidade de oxigênio consumido na degradação da matéria orgânica no meio aquático por processos biológicos e seus valores são estabelecidos pela CONAMA 357 para cada classe de meio aquático existentes. Sendo assim, um rio de água doce, classificado como sendo classe 2, pode ter no máximo qual valor de DBO?


120 mg/L


3 mg/L


5 mg/L


6 mg/L


10 mg/L

Ao realizar a análise de DQO, 50 mL de uma amostra de água foram refluxados com 20 mL de solução de dicromato de potássio de 0,02 mol/L, em meio de ácido sulfúrico. O produto da reação foi titulado com 23,4 mL de solução de sulfato de ferroso 0,1 mol/L. Calcule o valor de DQO em mg/L de O2. Dados: O2 = 32 g/mol.

 

Mo + Cr2O72- + H+ <--> 2Cr3+ + CO2 + H2O

Cr2O72- + 14H+ + 6e- <--> 2Cr3+ + 7H2O

6Fe2+ + Cr2O72- + 14H+ <--> 4Fe3+ + 2Cr3+ + 7H2O

O2 + 4H+ + 4e- <--> 2H2O


10,0 mg/L


6,4 mg/L


12,8 mg/L


6,8 mg/L


9,6 mg/L

A chuva ácida é um fenômeno atmosférico que ocorre especialmente em países com elevado nível de industrialização. Pois consiste na precipitação com elevada acidez, ou seja, quando ocorre a dissolução de óxidos ácidos como o dióxido de enxofre. Sendo assim, podemos considerar a chuva como ácida quando seu pH estiver menor que:


6,6


5,0


6,0


4,2


5,6

Antes de a água chegar às nossas torneiras e ser chamada de água potável, ela passa por uma série de estágios de tratamento, os quais utilizam vários reagentes químicos e processos físicos. Um esquema simplificado para o tratamento de água é:

Assinale a alternativa que indica, CORRETAMENTE, o objetivo das etapas I, II, IV e VII, respectivamente.


remover gases de odores fortes, diminuir a acidez, promover a floculação de precipitado e desinfectar a água.


todas as etapas possuem a mesma função.


oxidar compostos orgânicos a CO2, aumentar a acidez, desinfectar a água, corrigir o pH.


oxidar compostos orgânicos a CO2, diminuir o pH, promover a floculação do precipitado, corrigir o pH.


remover gases de odores fortes, aumentar o pH, oxidar compostos orgânicos a CO2 e desinfectar a água.

Na figura a seguir está indicado um processo do ciclo biogeoquímico da água, que é intensificado com o aumento da temperatura atmosférica. Do ponto de vista biológico, um processo importante que envolve seres vivos, que contribui para o aumento da quantidade de água disponível na atmosfera e que, certamente, aumentará com o aquecimento global é a:

 


Precipitação


Infiltração


Convecção


Condensação


Transpiração

Podemos definir como atmosfera a camada gasosa que recobre a Terra. A atmosfera é de suma importância para o nosso planeta por ser um reservatório de gases. A atmosfera é dividida de acordo com suas propriedades físico-químicas que ocasionam uma mudança de temperatura de uma camada a outra. As quatro camadas da terra são a troposfera, estratosfera, mesosfera e termosfera, de acordo com seus conhecimentos, responda qual das quatro camadas é a região onde podemos encontrar a camada de ozônio?


Estratosfera.


Termosfera.


Mesosfera.


Troposfera.


Tropopausa.

O ozônio é uma molécula metaestável, sua concentração de equilíbrio é extremamente baixa, mas as moléculas isoladas se decompõem muito lentamente. Elas podem, contudo, ser rapidamente destruídas pelas reações catalíticas em cadeia. Nessas reações, o ozônio é convertido em dioxigênio por um condutor de cadeia X que é ele próprio restaurado no processo. As reações gerais são:

X + O3 <----> XO + O2

XO + O <----> X + O2

 

A soma dessas duas reações resulta em:


O3 + O2 <----> 4O


O2 + O <----> O3


O3 + 2O <----> 2O2


O3 + O <----> 2O2


O3 + XO <----> 2O2 + X

Ao realizar a análise de DQO, 100 mL da mesma amostra foram refluxados com 20 mL de solução de dicromato de potássio de 0,01 mol/L, em meio de ácido sulfúrico. O produto da reação foi titulado com 22,10 mL de solução de sulfato de ferroso 0,05 mol/L. Calcule o valor de DQO em mg/L de O2. Dados: O2 = 32 g/mol.

 

Mo + Cr2O72- + H+ <--> 2Cr3+ + CO2 + H2O

Cr2O72- + 14H+ + 6e- <--> 2Cr3+ + 7H2O

6Fe2+ + Cr2O72- + 14H+ <--> 4Fe3+ + 2Cr3+ + 7H2O

O2 + 4H+ + 4e- <--> 2H2O


9,60 mg/L


5,05 mg/L


6,78 mg/L


8,84 mg/L


7,58 mg/L

A radiação ultravioleta é subdividida em UVC, UVB e UVA, sabendo que a radiação UVA tem o menor comprimento de onda, mostre qual é a faixa de comprimento de onda referente a essa radiação qual é a maior energia fornecida para as reações fotoquímicas nessa faixa em kJ/mol.

Dados:

  • E = hv onde E é a energia relacionada quando uma molécula absorve (em J), v é a frequência (em s-1) e h a constante de Plank (6,626x10-34 J.s).
  • v = C/λ onde C é a velocidade da luz: 3.108 m.s-1 e λ é o comprimento de onda (em metros).

1 mol = 6,02x1023


Faixa 200 a 280 nm e E = 598 kJ/mol


Faixa 320 a 400 nm e E = 374 kJ/mol


Faixa 280 a 320 nm e E = 427 kJ/mol


Faixa 280 a 320 nm e E = 299 kJ/mol


Faixa 320 a 400 nm e E = 427 kJ/mol

Páginas: 12345