FENÔMENOS DE TRANSPORTE


Durante uma aula de Fenômenos de Transporte o aluno Leonardo ficou curioso para saber qual seria o peso do ar que estava dentro da sala de aula, sendo assim, o mesmo coletou alguns dados necessários para realizar os cálculos e solucionar sua dúvida, os dados são os seguintes: medidas da sala (L1 x L2 x h) = 10 m x 20 m x 4 m, pressão atmosférica local = 101,3 kPa, constante específica do ar 287 J/kg.K, e temperatura ambiente 25 ºC. Considerando a aceleração gravitacional como sendo g = 9,81 m/s², determine utilizando os dados coletados pelo referido aluno o peso do ar contido nesta sala de aula.


9,587 kgf
5,261 N/m²
5,563 kgf
9,295 kN
5,861 kN

De posse dos dados abaixo um estudante de engenharia foi designado a montar um sistema de bombeamento de água 10^4 N/m³ em paralelo, neste caso, assinale a alternativa que contém os seguintes valores: vazão, a altura manométrica e a potência do sistema. 

Bomba A:

Q = 400 m³/h; Hm = 65 m.c.a; rendimento 82%.

Bomba B:

Q = 95 m³/h; Hm = 65 m.c.a; rendimento 75%.

 


Q = 400 m³/s; Hm = 65 mca; N = 98,8 W
Q = 95 m³/s; Hm = 65 mca; N = 400 W
Q = 0,1375 m³/s; Hm = 65 mca; N = 150,8 CV
Q = 495 m³/h; Hm = 65 mca; N = 5 HP
Q = 0,1375 m³/h; Hm = 65 mca; N = 30 HP

Para bombear água entre dois reservatórios uma bomba é usada para recalcar a água da cota 40 m para 60 m. A pressão na seção (1) é 70 kPa e a pressão na seção (2) é de 250 kPa. Qual a potência em CV que deve ser fornecida ao escoamento pela bomba? Considere uma perda de carga de 5 m, e um rendimento de 70%. Dado: D constante de 50 cm, vazão de 0,5 m³/s, 1CV = 735,5 W.


35 cv
32 cv
800 cv
315,24 cv
417,59 cv

Um grupo de alunos de engenharia realizaram um pré-projeto de uma barragem, neste projeto a entrada da tubulação vai ter uma seção reta de 0,74 m² e a velocidade da água será de 4 m/s. Na saída, a uma altura H = 18 m abaixo da entrada da água na tubulação, a seção da tubulação abaixo do ponto de entrada é reta e menor que a da entrada e a velocidade da água é 20 m/s. Qual é a diferença de pressão em m.c.a entre a entrada e a saída da tubulação? Dado: considere o fluido como água 9810 N/m³; g = 9,816 m/s².


180,449 m.c.a
5,369 m.c.a
44,559 m.c.a
1,559 m.c.a
9,689 m.c.a

Determine o coeficiente de difusão binária do O2 no N2 a 420 K e 3 atm. Dado: DO2-N2 = 1,8 x 10-5 m²/s a T1 = 273 K e P1 = 1 atm.

 


1,15 x 10-5 m2/s
3,27 x 10-5 m2/s
5,98 x 10-5 m2/s
4,79 x 10-5 m2/s
2,35 x 10-5 m2/s

Para o sistema da figura a bomba BC deve fornecer 0,16 m³ / s de óleo densidade 0,762 ao reservatório D. admitindo que a energia perdida de A para B seja de 2,51 m e de C para D seja de 6,63 m, quantas unidades de HP deve a bomba fornecer ao sistema?


88,31 HP
745 HP
23,54 HP
55 HP
15 HP

Um tanque de grande dimensões conforme o da figura abaixo pode ser enchido pela água que entra pela válvula A em 5 h, pelo que entra por B em 3 h e pode ser esvaziado (quando totalmente cheio) pela válvula C em 4 h (supondo vazão constante). Abrindo todas as válvulas (A, B, C e D) ao mesmo tempo o tanque mantém-se totalmente cheio. Determinar a área da seção de saída de D se o jato de água deve atingir o ponto 0 da figura. Considere as medidas como sendo y = 5 m e x = 10 m respectivamente.


3,65 x (10^ - 4) mm²
2,36 x (10^ - 4) m²
3,65 x (10^ - 4) cm²
5,35 x (10^ - 4) m²
2,36 x (10^ - 4) mm²

Um pistão (cilindro interno) de alumínio (SG = 2,64) com 73 mm de diâmetro e 100 mm de comprimento, está em um tubo de aço (cilindro externo) estacionário com 75 mm de diâmetro interno. Óleo SAE 10 W a 25 ºC e 0,13 N.s/m² ocupa o espaço anular entre os tubos. Um bloco de 2 kg está suspenso na extremidade inferior do pistão (cilindro interno), como mostrado na figura. O pistão (cilindro interno) é colocado em movimento cortando – se um fio suporte. Qual é a velocidade terminal da massa m? Considere o perfil de velocidade linear dento do óleo.




15,63 m/s
10,19 m/s
15,25 m/s²
3,65 m/s²
8,13 m/s

Qual é o valor da tensão de cisalhamento que o fluido exerce sobre a placa móvel da figura abaixo. Dados: v = (15y – 0,3y2) mm/s, µ = 0,425 N.s/m2.

 


0,478 Pa
10,22 Pa
1,237 Pa
4,335 Pa
8,154 Pa

A figura abaixo representa o escoamento de um fluido viscoso dentro de uma tubulação, a perda de energia está sendo representada pela linha piezométrica evidenciando a queda de energia. Sendo assim, assinale a alternativa correta a respeito da perda de energia que acontece no sistema em questão.

 

 


A energia perdida pela unidade de peso do fluido quando este escoa.
A energia absorvida pela unidade de peso do fluido no escoamento do mesmo.
A diminuição do raio hidráulico da tubulação em função da velocidade o que ocasiona a perda de energia.
A proporção da velocidade Vx quando ela tende a ser mínima no centro da tubulação.
A velocidade que é diminuída para compensar o perfil de velocidades.
Páginas: 12345678910
11