CISCO PACKET TRACER - LABORATÓRIO DE REDES


ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA. O Cisco Packet Tracer é uma ferramenta de simulação, dentre as suas características podemos citar:

I - Trata-se de um software gratuito

II - Pode ser utilizado no desktop ou em um dispositivo móvel 

III - Permite projetar e construir redes de tamanhos limitados e com a necessidade de equipamentos físicos em um laboratório

IV - Está disponível para as plataformas Linux, Windows e MacOS

Está correto o que se afirma em:


Somente I, III e IV


Somente I, II e IV


Somenete I, II e III


Somente II, III e IV


Somente I e IV

Qual o objetivo quando visualizamos o conteúdo de uma PDU ?


Controlar o tempo de comunicação
Adicionar Armários ao modelo físico
Verificar conectividade
Adicionar Cidades ao modelo físico
Trocar o endereço IP de um host

ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA. Para realizar projetos que envolvam o controle ambiental no Cisco Packet Tracer a visualização correta a ser usada será:


Environments
Simulation
Logical
Smart Home
Physical

ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA. Pode ocorrer a necessidade de adicionar um novo dispositivo IoT no Cisco Packet Tracer pelo simples fato que ele ainda não exista dentre as opções de dispositivos padrão. Neste caso, qual a melhor opção para que o novo dispositivo seja criado.


Identificar um dispositivo IoT existente que funcione de maneira semelhante ao novo dispositivo. Um novo script deve ser criado do zero para que não contenha erros originados do antigo script.
Clicar em qualquer dispositivo que esteja na área de trabalho, copiar, colar e trocar o nome para o dispositivo que se deseja criar.
Identificar um dispositivo IoT existente mesmo que seja totalmente diferente do dispositivo novo e  criar um script do zero para que não contenha erros originados do antigo script.
Identificar um dispositivo IoT existente que funcione de maneira semelhante ao novo dispositivo. O script existente pode ser modificado para criar o novo script. 
Identificar um dispositivo IoT existente mesmo que seja totalmente diferente do dispositivo novo e aproveitar o script no dispositivo novo

ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA. No espaço de trabalho físico (Physical Workspace), existem contêineres. Cada contêiner, é composto de cidade, edifícios e armários de fiação, todos têm seu próprio conjunto de valores ambientais. Existem 24 elementos ambientais padrão, todos eles afetam de certa maneira o ambiente, por exemplo, Um carro antigo aumentará vários gases e a temperatura ambiente quando ligado. Se não houver dispositivos configurados para afetar o ambiente, seus valores serão repetidos em um ciclo de quantas horas ?


36
48
24
06
12

ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA. Clicando em qualquer dispositivo IoT que esteja na área de trabalho revelará as especificações sobre esse dispositivo. As especificações incluem, por exemplo, o Controle Direto, Nesta especificação são exibidas as seguintes informações:


 Como os valores são produzidos ou a porta / slot usado para conectar ao sensor 
Um exemplo de como o mesmo funciona 
Quais pressionamentos de tecla permitem interagir fisicamente com os dispositivos 
Entradas LOW ou HIGH 
Como controlar o dispositivo local ou remotamente

ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA. Dentre os tipos de Switches utilizadas no Packet Tracer uma delas é o modelo "2960-24TT" que pode ser encontrada na barra de elementos de rede com a seguinte figura mostrada abaixo:

 

Quantas portas do tipo FastEthernet esse modelo de Switch possui ?


36
24
12
2
48

Para realizar uma conexão entre o Home Gateway e o Modem, qual tipo de cabeamento deve ser usado ?


Fibra
Straight-Through
Cross-over
USB
Coaxial

A figura abaixo representa os elementos de uma rede IoT. No Packet Tracer podemos visualizar tais elementos selecionando as respectivas opções na barra de componentes:


Componentes e End Devices
Network Devices e Home Devices
End Devices e Home
End Devices e Smart City
Home e End Devices

Para conectar dispositivos sem fio à uma rede doméstica inteligente faz-se necessário:


Através da guia CONFIG, alterar a interface Wireless modificando o SSID de padrão para Home Gateway e em seguida um endereço IP será atribuído automaticamente pelo DHCP
Através da guia DESKTOP, alterar a interface Wireless modificando o SSID de padrão para Wi-Fi e em seguida um endereço IP será atribuído automaticamente pelo Home Gateway
Através da guia SSID, alterar a interface Wireless modificando o DHCP de padrão para Home Gateway e em seguida um endereço IP será atribuído automaticamente pelo Home Gateway
Através da guia CONFIG, alterar a interface Wireless modificando o DHCP de padrão para Home Gateway e em seguida um endereço IP será atribuído automaticamente pelo SSID
Através da guia CONFIG, alterar a interface Wireless modificando o SSID de padrão para DHCP e em seguida um endereço IP será atribuído automaticamente pelo Home Gateway
Páginas: 12