CIRCUITOS ELÉTRICOS III


Determine o valor do tal para um circuito que apresenta a seguinte função a exitação zero Vc(t) = 18*exp(-1/tal*t), sabe-se que a tenção do capacitor no tempo de 25 segundos é igual a metade do valor inicial.

36.07
32.07
38.07
40.07
35.07

Para o circuito da figura abaixo, calcule o valor de R necessário para uma resposta com com amortecimento crítico. Considere R1 = 4 ohms , C1 = 4 F e L1 = 2 H.


cic2o_01.jpg


4.19 ohms


1.09 ohms


2.19 ohms


-2.81 ohms


10.94 ohms

Dada a função no tempo F(t) = 2 . t³ . exp(-10 . t), determine a sua transformada de Laplace.


24/(s + 20)^4


12/(s + 10)^4


13/(s + 20)^4


3/(s + 1)^4


10/(s + 1)^4

A transformada de Laplace é um método matemático que translada uma função no domínio do tempo para o domínio da frequencia, dada a função F(t) = 11 . t² + 6, determine a sua transformada de Laplace.

(18 + 2 . s²)/s³
(20 + 4 . s²)/s³
(27 + 11 . s²)/s³
(23 + 7 . s²)/s³
(22 + 6 . s²)/s³

A transformada de Laplace é um método matemático que translada uma função no domínio do tempo para o domínio da frequencia, dada a função F(t) = 5 . t² + 7, determine a sua transformada de Laplace.


F(s)=(6 + 3 . s²)/s³


F(s)=(10 + 7 . s²)/s³


F(s)=(12 + 9 . s²)/s³


F(s)=(15 + 12 . s²)/s³


F(s)=(8 + 5 . s²)/s³

Dado um circuito RC ( resistor e capacitor ) série, no tempo t=0 segundos, fonte de tensão de 1 V é acoplada ao circuito causando o carregamento do capacitor, determine no instante de 6 segundos. ( Sabemos : C = 2 mF, R = 10 Kohm(s), considere todos os valores iniciais iguais a zero )

- O valor da tensão no capacitor.
- O valor da tensão no resistor.
- O valor da corrente total.


V(capacitor) = 0.78 V ,V(resistor) = 2.22 V e I(total) = 5.07 mA 


V(capacitor) = -1.74 V ,V(resistor) = -5.26 V e I(total) = 5.07 mA 


V(capacitor) = 0.09 V ,V(resistor) = 0.09 V e I(total) = 5.07 mA 


V(capacitor) = 3.26 V ,V(resistor) = 9.74 V e I(total) = 0.07 mA 


V(capacitor) = 0.26 V ,V(resistor) = 0.74 V e I(total) = 0.07 mA 

Dada a EDO abaixo, de um sistema L.I.T, determine a sua transformada de Laplace. (onde x(0) = 9)

 

1 . dx(t)/dt + 1 . x(t) = 6

 


(6.00 + 9.00 . s)/(s.( 1.00 . s + 1.00))


(3.00 + 0.90 . s)/(s.( 5.00 . s + 4.00))


(30.00 + 18.00 . s)/(s.( 4.00 . s + 1.00))


(8.00 + 18.00 . s)/(s.( 1.00 . s + 1.00))


(1.00 + 6.00 . s)/(s.( 9.00 . s + 1.00))

Determine a constante de tempo aproximada, do circuito apresentado abaixo:


8


6


7


5


9

A transformada de Laplace é um método matemático que translada uma função no domínio do tempo para o domínio da frequencia, dada a função F(t) = 14 . t² + 10, determine a sua transformada de Laplace.

(32 + 14 . s²)/s³
(25 + 7 . s²)/s³
(28 + 10 . s²)/s³
(30 + 12 . s²)/s³
(26 + 8 . s²)/s³

Determine a Transformada de Laplace de df(t)²/dt², sabendo que os valores iniciais são diferentes de zero.


 F(s).s²-F(0).s-dF(0)/dt, t>=0;


F(s).s²-F(0).s-dF(0)²/dt², t>=0;


F(s).s²+F(0).s+dF(0)/dt, t>=0;


 F(s).s²+F(0).s+dF(0)²/dt², t>=0;


F(s).s²-dF(0)/dt.s-dF(0)/dt, t>=0;

Páginas: 1234567