ÓTICA


Uma luz monocromática de comprimento de onda igual a 620 nm, incide sobre um aparato de fenda dupla que está distante 1,20 m  de um anteparo. Sendo a separação entre as fendas igual a 3 MathML (base64):PG1hdGg+CiAgICA8bWkgbWF0aHNpemU9IjE2Ij4mI3gzQkM7PC9taT4KICAgIDxtaSBtYXRoc2l6ZT0iMTYiPm08L21pPgo8L21hdGg+, temos que a posição angular da franja escura de 3 ordem será:

 


25,5°


46,3°


5,15°


37,5°


15,5°

Atualmente, redes de difração são utilizadas em experimentos de espectroscopia e espectrometria. Considere uma rede de difração que apresenta 1500 fendas por centímetro. Ao incidir um feixe de luz monocromático sobre essa rede, nota-se que o desvio angular MathML (base64):PG1hdGg+CiAgICA8bWkgbWF0aHNpemU9IjE2Ij4mI3gzQjg7PC9taT4KPC9tYXRoPg== de primeira ordem sofrido pela luz é de 5°. Assim, sendo podemos inferir que o comprimento de onda do feixe de luz é aproximadamente:

 


850 nm


740 nm


650 nm


470 nm


580 nm

A holografia permite a produção de fotografias em três dimensões. Sobre esse fenômeno julgue as afirmativas a seguir:

 

I.   Um holograma é formado devido ao fenômeno da interferência da luz.
II.  Além de interessante, um holograma pode ser criado em sala de aula de modo a motivar os alunos acerca dos fenômenos ópticos.
III. A formação de um holograma pode ser explicada apenas por conceitos de óptica geométrica.

 

Sobre essas afirmações é correto afirmar que:

 


I e III são verdadeiras.


II e III são verdadeiras.


apenas I é verdadeira.


I e II são verdadeiras.


todas são verdadeiras.

Um aluno curioso deseja montar um experimento onde mostrará que a formação de uma imagem direita e maior que o objeto. Para isso é necessário que ele utilize:

 


um espelho côncavo e posicione o objeto entre o foco e o vértice do espelho.


um espelho convexo e posicione o objeto em qualquer posição em relação ao espelho.


um espelho plano e posicione o objeto em qualquer posição em relação ao espelho.


um espelho convexo e posicione o objeto entre o foco e o vértice do espelho.


um espelho côncavo e posicione o objeto em qualquer posição em relação ao espelho.

O conceito de polarização é bastante utilizado no nosso dia a dia. Dentre as alternativas abaixo, assinale a alternativa que esse conceito não é empregado:

 


Telas de LCD.


Insulfilm.


Óculos de sol.


Ondas produzidas por emissoras de rádio.


Difração de raio X.

Em 1809 a Lei de Malus foi descoberta experimentalmente. Essa lei calcula a intensidade da luz linearmente polarizada que é transmitida por um segundo polarizador. Sobre essa lei é correto dizer que:

 


a intensidade da luz transmitida varia entre 0 e Imáx, onde Imáx é o valor da intensidade da luz que incide sobre o segundo polarizador.
a intensidade da luz transmitida pelo segundo analisador nunca pode ser nula.
a intensidade da luz transmitida pelo segundo analisador é sempre menor que a intensidade transmitida pelo primeiro analisador.
é válida somente quando a luz incidente no segundo analisador não está linearmente polarizada.
independe do ângulo formado entre os eixos do primeiro e do segundo polarizador.

Um padrão de difração é produzido em uma anteparo, quando uma luz monocromática com comprimento de onda igual à 750 nm incide sobre uma fenda estreita com largura igual à 0,30 mm. Sendo a distância da fenda até o anteparo igual a 5,00 m, podemos dizer que o tamanho da região do máximo central, vale:

 


30 mm
5 mm
25 mm
50 mm
2,5 mm

O fenômeno da difração em uma fenda dupla, devido a figura formada no anteparo, também é conhecido como interferência-difração. Sobre um aparato de fenda dupla, incidimos uma luz monocromática com comprimento de onda igual à 650 nm. Se a distância entre as fendas é d = 0,90 mm e a largura de cada uma delas é MathML (base64):PG1hdGggbWF0aHNpemU9IjE2Ij4KICAgIDxtaT4mI3gzQjE7PC9taT4KICAgIDxtbz49PC9tbz4KICAgIDxtbj4wPC9tbj4KICAgIDxtbz4sPC9tbz4KICAgIDxtbj4zPC9tbj4KICAgIDxtbj4wPC9tbj4KICAgIDxtaT5tPC9taT4KICAgIDxtaT5tPC9taT4KPC9tYXRoPg==, o número de franjas brilhantes vista no máximo central é igual a:

 


5
3
4
7
6

Para realizar um projeto de ciências, um aluno precisa obter com auxílio de um espelho convexo uma imagem com metade do tamanho do objeto. Sendo o raio de curvatura do espelho igual a 10 cm, podemos dizer que a distância do objeto ao vértice do espelho é:

 


5,0 cm
10 cm
2,5 cm
20 cm
7,5 cm

Ao longo da história diversos experimentos foram realizados para compreender a natureza da luz. Durante esse processo, dois fenômenos se destacaram ao conferir caráter ondulatório à luz. Esses fenômenos são:

 


Reflexão e refração.
Refração e difração.
Reflexão e polarização.
Interferência e difração.
Reflexão e interferência.
Páginas: 12345